Tudo sobre o curso de Enfermagem

estudante de enfermagem

A Enfermagem é uma profissão que envolve cuidado, amor ao próximo e vocação. Os profissionais dessa área da saúde são responsáveis por zelar pela integridade física das pessoas, atuando diretamente na prevenção e promoção do bem-estar. É uma carreira essencial para a sociedade, principalmente em tempos de dificuldades.

Você tem interesse na graduação em Enfermagem e acha que essa profissão pode ser para você? Então continue acompanhando este post. Nele, você vai entender como funciona o curso e quais são as possibilidades de atuação para o enfermeiro. Acompanhe!

Como é a graduação

Você sabia que a história da Enfermagem vem de muito longe, nos primórdios da civilização, quando ainda sequer tinha um nome? Sim, o cuidado com pessoas é algo natural do ser humano e, por muito tempo, esteve relacionado ao papel feminino, principalmente da mãe e da esposa. Hoje, esses estigmas já foram desmistificados e qualquer pessoa que tenha o desejo de zelar pela saúde do próximo pode se tornar um bom enfermeiro.

Para entender melhor o que é Bacharelado em Enfermagem, detalhamos alguns pontos importantes a respeito do curso nos tópicos a seguir. Continue acompanhando e confira!

Principais matérias do Bacharelado de Enfermagem

Cada instituição de ensino oferece uma grade específica no Curso Superior em Enfermagem. Aqui na Pitágoras, nossas disciplinas abordam duas frentes essenciais para formação de excelentes profissionais da área: as bases para a Enfermagem e a preparação para a atuação prática. Confira alguns exemplos de matérias de cada uma delas:

São disciplinas da base:

  • Bioética e Legislação em Enfermagem;
  • Ciências Moleculares e Celulares; 
  • Ciências Morfofuncionais dos Diferentes Sistemas do Corpo Humano;
  • Didática Aplicada à Enfermagem;
  • Farmacologia dos Sistemas;
  • Genética;
  • Homem, Cultura e Sociedade;
  • Microbiologia;
  • Psicologia Aplicada à Saúde.

São disciplinas de preparação para o futuro:

  • Enfermagem Aplicada em Diferentes Cenários;
  • Estratégia da Saúde da Família;
  • Formação Integral em Saúde;
  • Gestão em Saúde;
  • Saúde Coletiva;
  • Saúde do Trabalhador;
  • Saúde Mental;
  • Seminários Integradores;
  • Sistematização da Assistência de Enfermagem;
  • Urgência e Emergência em Enfermagem.

Bacharelado ou Técnico de Enfermagem

Uma dúvida bastante comum para quem deseja ingressar nessa área é se deve fazer um curso técnico ou faculdade de Enfermagem. Você já pensou nisso?

Cada uma dessas opções tem pontos positivos e negativos: o importante é conhecê-las para saber qual se encaixa melhor no seu perfil. Confira as principais diferenças entre elas!

Técnico em Enfermagem

O curso técnico em Enfermagem capacita o profissional para a aplicação de técnicas específicas no cuidado com os pacientes. Trata-se de uma atribuição muito importante no cotidiano de hospitais, clínicas e centros especializados em cuidados. O técnico em Enfermagem pode atuar nos cuidados pós-operatórios, de idosos e de diferentes tipos de pessoas que necessitem de auxílio.

Entretanto, essa formação implica algumas limitações se você pretende seguir carreira na área. O curso, que tem uma duração média de 2 anos, contempla apenas disciplinas mais técnicas, de forma não tão profunda. Isso impede que o profissional possa avançar para cargos mais altos, que demandam outros tipos de conhecimentos. 

Bacharelado em Enfermagem

A graduação em Enfermagem é mais ampla e contempla disciplinas que vão além dos conhecimento técnicos. O curso, que tem duração de 5 anos, prepara você para lidar com situações operacionais, práticas e gerenciais da rotina de um enfermeiro, com disciplinas voltadas para a gestão e a análise mais abrangente de cenários.

A partir da obtenção do diploma em Enfermagem, a pessoa pode escolher uma área específica para se especializar. Com isso, ela conquista espaços mais relevantes no cuidado aos pacientes. Outra opção é seguir a carreira de docência, ajudando na formação de novos profissionais.

É importante ressaltar que, no que diz respeito às disciplinas mais específicas da profissão e às atividades práticas e laboratoriais, ambas as opções de curso têm qualidade equivalente. As maiores diferenças estão relacionadas à amplitude de possibilidades de evolução na carreira, já que a graduação é a porta de entrada para todas as especializações que a pessoa pode seguir em sua vida profissional.

Em outras palavras, é no Bacharelado que você vai conhecer tudo sobre a Enfermagem, tendo uma formação mais completa.

Modalidades presencial e semipresencial

Aqui na Pitágoras, o curso superior em Enfermagem é oferecido em duas modalidades de ensino: presencial e semipresencial. A primeira consiste no formato tradicional de ensino, em que você deve frequentar as aulas na instituição diariamente ao longo dos semestres. Todas as disciplinas, tanto as teóricas quanto as práticas, são oferecidas dessa forma.

Por outro lado, no formato semipresencial, parte do conteúdo é disponibilizado por meio digital. A primeira vantagem dessa modalidade é a flexibilidade que ela proporciona para o aluno, que pode gerenciar melhor o seu tempo para se dedicar aos estudos. Outro ponto benéfico é que a redução na necessidade de estrutura física da instituição resulta na redução do valor do curso superior em Enfermagem.

Valor da graduação em Enfermagem

Para se formar um bom enfermeiro, já ficou evidente que uma formação de qualidade é essencial, não é mesmo? Mas muitas pessoas ainda se preocupam em quanto esse sonho pode custar. Para responder às suas dúvidas, o valor do curso de Enfermagem na Pitágoras tem início em R$ 409* — um valor que, como vamos ver adiante neste artigo, vale a pena diante do rendimento que o profissional formado vai ter de volta.

Enfermagem é para você?

Você já se perguntou se essa atuação é ideal para você? Apesar de ser uma profissão tão bonita e necessária, não é qualquer pessoa que pode ser tornar enfermeira. É fundamental que ela apresente alguns requisitos básicos para conseguir lidar com os desafios diários, mantendo a satisfação e a sensação de dever cumprido ao final de cada expediente.

Se quiser entender se Enfermagem combina com o seu perfil, continue acompanhando o conteúdo. Abaixo, nós relacionamos algumas das principais características exigidas para seguir na profissão. 

Primeiro, vamos abordar as características essenciais para aproveitar ao máximo os ensinamentos ao longo do curso e, em seguida, as habilidades que o mercado vai exigir de você ao acabar de se formar bacharel em Enfermagem.

O que o curso exige do aluno

Antes de pensar em como é a rotina do enfermeiro, é preciso lembrar que existe um caminho de 10 semestres que o antecedem. Para conseguir cumprir essa jornada e obter o tão sonhado diploma de ensino superior, que tal entender se você tem algumas das características relacionadas abaixo? Com certeza elas vão te ajudar a aproveitar melhor o curso e, depois, a ter sucesso na profissão! Confira. 

Dedicação

Cuidar do bem-estar físico e mental de pessoas é uma atividade de muita responsabilidade e, por isso, requer uma preparação de excelência. Afinal, estamos falando de uma profissão que não tem espaço para erros. Por isso, a dedicação no período de aprendizado é essencial na formação de um bom enfermeiro.

Os conteúdos aprendidos em sala de aula ou por meio de disciplinas virtuais devem ser estudados com afinco, garantido um bom domínio de cada assunto. Além da parte teórica, a prática deve ter uma atenção especial, para que todas as dúvidas e anseios sejam sanados enquanto o cenário ainda é de simulação.

Disciplina

Todo tipo de graduação requer um certo nível de disciplina para ser cumprida de forma satisfatória. No Bacharelado em Enfermagem semipresencial ou presencial, essa exigência é um pouco maior, principalmente por ser um curso denso, com uma carga horária mais pesada.

A disciplina nos estudos e na realização das atividades vai ajudar você a manter o aprendizado em dia, sem acumular conteúdos e entregas. Outra vantagem, é que essa dedicação é treinada ao longo dos semestres e se torna um hábito que a pessoa leva para a sua rotina profissional.

Colaboração

Você gosta de trabalhar em equipe? Saiba que os enfermeiros são profissionais que nunca estão sozinhos. Desde o primeiro dia de aula, o senso de colaboração deve estar presente nos alunos, para que eles possam se desenvolver melhor, chegando ao final do curso sabendo lidar melhor com colegas de trabalho e pacientes.

Curiosidade

A curiosidade é uma característica essencial na profissão de Enfermagem e, quanto mais cedo ela for desenvolvida, melhor. Ela representa o principal gatilho para a descoberta de problemas e de suas soluções. Na área da Saúde, isso pode significar a sobrevivência de uma pessoa.

Como aluno de Enfermagem, você deve buscar a compreensão de todo o conteúdo oferecido de forma aprofundada e curiosa. Entender o porquê e como, fazer perguntas aos professores e sanar todas as suas dúvidas ali, no ambiente de aprendizado. Pode confiar: a curiosidade aplicada ao longo dos 10 semestres de estudos vai evitar muitos impasses na vida de formado.

As habilidades essenciais

A vida de um estudante de Enfermagem pode ser bastante atribulada, mas o mercado é ainda mais exigente com os graduados do que os professores são com seus alunos. Por isso, é interessante saber quais são as habilidades essenciais à profissão que devem ser desenvolvidas no decorrer da graduação. Vamos lá?

Boa comunicação

A comunicação é um dos principais pontos de problemas da sociedade atual. É preciso saber falar da forma e no tom correto com cada pessoa para garantir que a mensagem seja entregue conforme o esperado. Na rotina dos enfermeiros, isso impacta a qualidade de vida dos pacientes.

Ao falar com os pacientes, é preciso utilizar palavras mais simples e um tom mais calmo, que ajude a tranquilizar a pessoa que está sendo atendida. Em relação aos colegas trabalho, como médicos, auxiliares, técnicos e demais enfermeiros, é importante ter muita clareza nas informações, tratando cada um com respeito e simpatia. Que tal já começar a treinar essa habilidade nas suas comunicações diárias?

Segurança e confiança

O enfermeiro é um dos profissionais que fazem o intermédio entre o paciente e a equipe médica. Ele precisa demonstrar segurança no que está fazendo para ambas as partes, para que estejam seguros de que todos os procedimentos necessários serão realizados de forma adequada.

Paciência

A Enfermagem é uma profissão que lida com pessoas 100% do tempo. Cada uma é diferente da outra e isso requer muita paciência para lidar de forma gentil e segura com elas. Os pacientes são os que mais vão exigir essa característica do profissional, afinal, eles estão em uma situação desagradável, ansiosos pela melhora de suas condições.

Empatia

Mais do que se colocar no lugar do outro, o enfermeiro deve se despir de seus preconceitos e achismos ao lidar com as pessoas. Quem trabalha em hospital acaba normalizando muitas situações que, para muitos pacientes, são inéditas e terríveis. É importante que o profissional tenha em mente essa percepção diferenciada de cada um para não agir de forma grosseira ou desrespeitosa.

Em outros locais, como casas de repouso para idosos ou centro de apoio a pessoas com doenças crônicas, a familiaridade com um ambiente mais voltado para os cuidados com a saúde não tira do paciente sua individualidade. É preciso conhecer a história de cada um, respeitá-la e utilizá-la em benefício ao tratamento.

Inteligência emocional

Inteligência emocional não é a capacidade de não sentir algo ou de esconder os sentimentos, mas sim de identificá-los e aprender a lidar com cada um deles de forma mais tranquila. Essa habilidade é fundamental para que o profissional de Enfermagem consiga executar suas atividades de forma plena.

É a inteligência emocional que ajuda na comunicação eficaz e no equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. Ela também é responsável pela gestão mais eficiente de tarefas a serem realizadas em grupos e na forma de lidar com cada paciente e colega de trabalho.

Prontidão

A Enfermagem é uma profissão que exige muita dedicação, pois ela lida diretamente com a saúde das pessoas. Os enfermeiros devem estar sempre dispostos a uma atuação eficiente, principalmente aqueles que escolhem os hospitais como local de trabalho. A vida de um paciente pode depender disso.

Capacidade técnica

A capacidade técnica é uma das exigências fundamentais para se tornar um bom enfermeiro. Por isso, é essencial escolher uma instituição de qualidade na hora de fazer uma graduação. O Bacharelado da Pitágoras, por exemplo, é uma das melhores opções para quem deseja fazer o curso de Enfermagem.

Vocação

Se precisássemos resumir todo este tópico sobre o que o mercado demanda de um enfermeiro em uma única palavra, essa seria: vocação.

A vocação é a junção do a pessoa gosta de fazer com aquilo na qual ela é boa. A carreira na saúde exige que o indivíduo apresente todas as características citadas de uma forma bastante presente e visível. Você acha que tem esse chamado correndo em suas veias? Então, já vai sair um passo à frente!

A prevenção e promoção da saúde

A prevenção e promoção da saúde são os fundamentos da vida de quem faz Faculdade de Enfermagem semipresencial ou presencial. Essas atuações podem ser feitas tanto em empresas particulares quanto públicas. 

No primeiro caso, é preciso ter um bom currículo e se candidatar às vagas disponíveis no mercado. No segundo, o profissional deve prestar um concurso para enfermeiro, em que seus conhecimentos teóricos serão testados.

E então, você se identificou com algumas dessas habilidades ou gostaria de desenvolvê-las? Que bom! Pode ser que Enfermagem seja mesmo para você! Continue acompanhando para descobrir quais serão as suas possibilidades de atuação no mercado de trabalho.

O mercado atual da Enfermagem

Se, até aqui, você já está pensando em prestar vestibular de Enfermagem, saiba que o mercado é bastante amplo. De acordo com o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), o total de profissionais no Brasil ultrapassa os 550 mil — dos quais mais de 50 mil representam os formados no curso de Enfermagem em Minas Gerais.

Mas você sabe quanto ganha um profissional de Enfermagem? Para uma jornada de trabalho de 38 horas por semana, a média salarial é de R$ 3.440,04.

Para entender melhor os impactos do cenário atual na formação do futuro enfermeiro, saiba que tivemos uma live especial de Enfermagem. Com a participação dos acadêmicos Adrianne Rita, Ana Maria e Daniel Pillmann, ela abordou oportunidades e desafios da carreira. Você pode conferir a gravação completa no vídeo abaixo:

Confira, abaixo, quais são as opções de carreira que você vai poder seguir se optar por fazer a graduação em Enfermagem. 

Clínica Geral

A área de Clínica Geral envolve os atendimentos mais comuns da rotina de enfermeiros. Os exemplos habituais incluem a triagem de pacientes em hospitais de pronto atendimento e o acompanhamento dos pacientes internados em tratamento. Por serem atividades mais generalizadas, é mais fácil para ingressar no mercado de trabalho logo após a formatura.

Urgência e Emergência

Os serviços de Urgência e Emergência são caracterizados pela agilidade e prontidão do profissional — tanto na identificação dos riscos envolvidos em cada atendimento quanto na decisão dos procedimentos a serem adotados em prol da saúde do paciente. 

Os locais mais comuns de atuação desse tipo de profissional são setores de urgência e de emergência de unidades de pronto atendimento. Atuam também como socorristas em ambulâncias como as do SAMU e de concessionárias que administram rodovias privatizadas.

UTI

As Unidades de Terapia Intensiva requerem cuidados especiais por parte de cada um dos profissionais que têm contato com os pacientes e equipamentos. Nesses casos, a vida da pessoa que está internada está em risco e, por isso, necessita de práticas e procedimentos especiais.

Por isso a importância da Enfermagem em pandemias, como presenciamos em decorrência do novo coronavírus. Não é qualquer tipo de colaborador de um hospital que pode acessar esses locais: é necessário passar por um treinamento específico e ter muita atenção.

Cirurgia

A Enfermagem Praticada em Cirurgias também é uma área específica que requer um preparo diferenciado do profissional. A rotina de centros cirúrgicos é bastante particular, com procedimentos de assepsia mais rigorosos, uso de instrumentação especial e uma grande variação no tempo de trabalho, que é regido pelo desenrolar de cada operação.

Além disso, é uma atividade que coloca o enfermeiro mais próximo dos médicos, que precisam de assistência adequada para o sucesso do procedimento. A comunicação e o trabalho em equipe são requisitos básicos para quem deseja atuar nessa área.

Pediatria

Você gosta de crianças? Então, a Enfermagem Pediátrica é a vertente ideal. Ela demanda muita paciência e uma vocação para lidar com os pequenos de todas as idades. É comum ter que acalmá-los, distraí-los e convencê-los de tomar medicações mais dolorosas ou amargas. Por isso, a criatividade também é uma característica muito importante para os enfermeiros da Pediatria.

Obstetrícia

A área da Enfermagem que lida com a Obstetrícia está relacionada ao cuidado com as gestantes, principalmente as que já entraram em trabalho de parto, e seus bebês, logo que nascem. Enfermeiros são habilitados para a realização de partos normais e naturais, inclusive aqueles realizados na água.

Outra função importante de quem segue por esse caminho é dar assistência à mãe e ao recém-nascido em seus primeiros dias de vida. O enfermeiro ajuda ensinando como cuidar do bebê, dar banho, amamentar corretamente e até mesmo como lidar com umbigo até que ele caia.

Oncologia

A Oncologia, área da saúde que trata de pessoas com câncer, é uma das mais delicadas a ser escolhida. Os profissionais que atuam com pacientes dessa área de atendimento devem ter a inteligência emocional e a empatia muito bem desenvolvidas, a fim de lidarem com dos desafios do cotidiano, respeitando e encorajando cada um deles.

Os cuidados técnicos se assemelham bastante aos da Clínica Geral, com a particularidade de se tratar de uma doença mais agressiva. O ambiente de trabalho é mais tenso e, por isso, o enfermeiro deve estar psicologicamente preparado para escolher essa carreira.

Enfermagem do Trabalho

Para quem não deseja lidar com o ambiente hospitalar, existem outras opções. A primeira delas é a Enfermagem do Trabalho, que consiste em prestar serviços de prevenção e controle dentro das empresas. Essa é uma modalidade mais comum em grandes corporações, que têm um número grande de funcionários e que lidam com ambientes com mais riscos e insalubridades.

Saúde da Família

Outra forma de fugir do ambiente hospitalar sem perder o foco no cuidado das pessoas é seguindo pelo caminho da Saúde da Família. Em geral, os enfermeiros dessa vertente atuam em postos de saúde, localizados nos bairros de cada cidade. São servidores públicos que respondem por um grupo de familiares, ajudando no controle e prevenção de doenças, bem como assistindo in loco aqueles que estiverem acamados.

O cuidado com idosos e enfermos, seja em residências, seja em clínicas especializadas, segue essa mesma linha de atuação. Nesses casos, o profissional tem um foco maior em poucas pessoas, prestando um cuidado mais personalizado a cada paciente. 

Docência

Por fim, outra trilha que não está relacionada ao ambiente hospitalar é a docência. Mesmo que o profissional siga atendendo na área clínica, é possível seguir, em paralelo, a carreira de professor nos cursos da área de Saúde. Para isso, é preciso se aprofundar nos estudos e realizar cursos de pós-graduação, principalmente mestrado e doutorado.

Quanto mais especializações forem conquistadas, mais qualificado o profissional está para se tornar um bom docente. Além disso, ele também pode optar pela trilha de pesquisa científica para ajudar no desenvolvimento de novas técnicas e procedimentos que possibilitem mais conforto e bem-estar aos pacientes.

Agora que você já sabe tudo sobre o curso de Enfermagem, precisa decidir se essa é a carreira que vai seguir nos próximos anos. O primeiro passo você já está dando, que é pesquisar e conhecer melhor a área. O próximo passo é realizar o processo seletivo em Enfermagem, no vestibular online ou tradicional, em uma instituição de confiança e qualidade.

Se você já está pronto para dar esse passo rumo à realização do seu sonho, não perca mais tempo. A Faculdade Pitágoras oferece o curso de Enfermagem nas modalidades presencial e semipresencial e conta com um excelente corpo docente, com profissionais atuantes no mercado.

Conte com a experiência de quem convive hoje com os desafios que você vai encontrar no futuro, prepare-se em laboratórios e clínicas que aproximam o aluno da realidade do mercado. Venha fazer Enfermagem na Pitágoras! Entre em contato e participe do processo seletivo!

*Sujeito a alteração.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.3 / 5. Número de votos: 65

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

2 Comentários

    Queria muito fazer esse curso

    Meu sonho e fazer enfermagem!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content