Tudo sobre o curso de Engenharia Civil

estudante de engenharia civil

Se você gostaria de ser engenheiro, existem diversos tipos de engenharia que podem ser ótimas opções. A de Produção ajuda a otimizar processos e garantir eficiência produtiva. A Mecânica envolve a concepção e a fabricação de máquinas e ferramentas. Mas, pela janela de onde estiver, dê uma olhada ao seu redor agora mesmo. As ruas, os prédios, as casas, seu local de trabalho: tudo isso foi construído a partir de projetos da Engenharia Civil

Você está sempre admirando edifícios e fica empolgado ao passar por construções? Gostaria de entender como funcionam as estruturas e pontes? Tem interesse em como um projeto pode unir a população e ainda trazer funcionalidades úteis? Então, você está no lugar certo! 

A área da Construção Civil é incrível mesmo: com boas ideias, muito estudo e cálculos, você pode criar um mundo de opções e uma nova realidade. Trata-se de um setor que sempre vai ter demandas de trabalho, mesmo que às vezes passe por algumas crises (como qualquer setor). Dessa maneira, é uma opção de carreira com muitas possibilidades. 

Neste post, você vai entender em detalhes como funciona o curso de Engenharia Civil e quais são as possibilidades da profissão. Também vai conseguir identificar se o perfil do engenheiro civil combina com você. Continue com a gente e acompanhe!

Como é a graduação?

A formação em Engenharia Civil é do tipo Bacharelado. Ou seja, o profissional se torna um bacharel nessa área, o que possibilita que ele tenha conhecimento de mercado e possa se estabelecer em diversos tipos de empresas, em órgãos do governo ou ser um profissional autônomo.

As matérias do curso são variadas. Você terá disciplinas teóricas, que envolvem Cálculo, Física e Química, mas também aquelas voltadas à prática da profissão, como Materiais de Construção Civil. Ao longo do texto, nós especificamos melhor cada uma delas.

Quanto tempo dura o curso de Engenharia Civil?

Em média, são 5 anos de duração. O estágio é obrigatório para que você saia da graduação ainda mais preparado para encarar o mercado de trabalho e ter as melhores oportunidades.

E quanto às diferentes modalidades?

Aqui na Pitágoras, você pode optar por fazer a graduação de forma presencial ou semipresencial, varia muito de acordo com o seu tempo e suas habilidades de estudo. O diploma das duas opções tem o mesmo valor. Entenda melhor na sequência!

Faculdade de Engenharia Civil semipresencial

A graduação de Engenharia Civil semipresencial traz mais flexibilidade e versatilidade ao dia a dia do universitário. Se você precisa trabalhar, acaba sendo uma opção mais cômoda, já que não é todo dia que você vai para a aula — em média, deve ir de 1 a 3 vezes por semana.

Nessa modalidade de ensino, mais do que nunca, você precisa ter foco e disciplina para fazer as aulas online, contatar os professores em caso de dúvida e fazer todos os trabalhos necessários.

Faculdade de Engenharia Civil presencial

A versão presencial tem aulas de segunda-feira a sexta-feira e permite que tenha uma convivência mais próxima com os professores e colegas de turma. É uma opção para quem gosta do ensino tradicional e, às vezes, tem dificuldade de concentração ao estudar sozinho.

De qualquer maneira, as grades curriculares da Engenharia Civil no modo semi ou presencial são equivalentes e você não sei perdendo de forma alguma se escolher uma ou outra versão. É só mesmo uma questão de entender o melhor tipo para sua rotina.

Qual é o preço do curso de Engenharia Civil?

Na Pitágoras, há opções variadas de preço de acordo com a região em que você se encontra e com a modalidade escolhida — no caso, presencial ou semipresencial.

O tipo semipresencial costuma ter mensalidades mais acessíveis, a partir de R$ 399, podendo chegar até pouco mais de R$ 1 mil nas modalidades presenciais. Você pode conferir o valor do curso de acordo com a sua região.

Quais são as principais matérias do curso de Engenharia Civil?

Para ganhar o título de bacharel em Engenharia Civil, você vai precisar estudar uma grade curricular composta por conteúdos mais teóricos e outros bem específicos do ramo. Todas eles são fundamentais para exercer a profissão.

Nós listamos algumas das matérias que você vai estudar, acompanhe!

Cálculo

Na base de todo tipo de Engenharia, estão as matérias que envolvem Cálculo — e são várias, como Cálculo Diferencial e Integral I, II e III. No caso, trata-se de Matemática aplicada para entender volumes, áreas, cargas e uso de materiais, que serão de uso muito comum no dia a dia da profissão.

Materiais de Construção Civil

Você vai entender sobre os diversos tipos de materiais usados na Construção Civil, como ferro, vidro, aço, cimento, madeira, cerâmica, concreto, entre outros. Também aprende sobre segurança, funcionalidade e questões ligadas à economia e durabilidade deles.

Química e Ciência dos Materiais

Aqui, o aprendizado foca a eletroquímica, cinética química e reações entre elementos. É preciso estudar a disciplina para entender a dinâmica entre os materiais na obra, como interagem e reagem de acordo com os processos da Construção Civil.

Algoritmos e Lógica de Programação

Hoje, muito dos cálculos e projeções usados na Engenharia Civil são feitos a partir de software. Conhecer linguagens diferentes de programação pode ajudar você a entender e até criar programas ou aperfeiçoá-los a partir da Inteligência Artificial. As tecnologias do futuro têm tido muito destaque nas áreas de Engenharia como um todo.

Fundamentos da Mecânica dos Solos

Entender sobre o solo onde uma construção será feita é básico para o sucesso dela e mais: para que existam menos danos possíveis ao meio ambiente. Você vai estudar sobre esse ramo da Geotecnia, que envolve barragens de terra, adensamento e sondagem do solo, condutividade hidráulica, entre outros.

Projeto Arquitetônico para Engenharia Civil

Essa disciplina estuda a interseção entre as necessidades do cliente e as normas dos órgãos regulamentadores. Isso porque você não pode simplesmente ir construindo.

É uma matéria comum tanto para Engenheiro Civil quanto para Arquitetura e Urbanismo. Nela, você verá como interpretar as normas e criar dentro dessas possibilidades. O Projeto de Arquitetura pode ser dividido em Anteprojeto, Projeto Legal e o Projeto Executivo.

Desenho Técnico

O foco aqui é compreender a melhor forma de manusear instrumentos de desenho técnico, desenvolver a visualização espacial e também a perspectiva geométrica. Nesse sentido, é preciso estudar escalas, projeções ortogonais, caligrafia técnica, dentre outros. Uma aula mais prática e que vai ser muito útil ao dia a dia!

Engenharia Econômica

Você vai saber como avaliar os aspectos econômicos de soluções propostas para problemas da Engenharia Civil. Assim, pode buscar melhores alternativas, entender sobre investimentos necessários e tomar as decisões que vão agregar ao projeto.

Arquitetura e Urbanismo

É uma disciplina mais pautada na teoria, com foco em legislação urbana do município aplicada aos projetos arquitetônicos. Aqui, você estará apto a criar um projeto básico com planta baixa, cortes, cobertura, fachada, situação e locação. 

Instalações hidráulicas

A instalação hidráulica é um subsistema de uma construção, imprescindível a ela. Portanto, é importante entender a respeito dos tipos de instalações, sejam de água fria ou quente, de esgoto sanitário, de água pluvial e combate a incêndio, para que você possa aplicar em seu projeto.

Engenharia Civil é para você?

Você quer se tornar um bacharel em Engenharia Civil e ter sucesso profissional? Então, além de fazer um ótimo curso de graduação (como as opções já citadas da Pitágoras), é preciso ter algumas habilidades que vão contar muito em sua evolução.

Vale dizer que essas qualidades — como liderança, trabalho em equipe e boa comunicação — não precisam nascer com você. Elas podem ser desenvolvidas ao longo do tempo, especialmente durante a graduação. Essa evolução também é possível com experiência, leituras, cursos e o próprio dia a dia da profissão.

Você está na dúvida se a Engenharia Civil tem a sua cara? Analise nossa lista abaixo e reflita!

Tem aptidão para Exatas? Então, você vai sair na frente!

As diversas construções da Engenharia Civil, sejam estruturas, casas, prédios e pontes, dependem de cálculos feitos com exatidão para garantir o sucesso da empreitada. Por isso, há tantas matérias sobre o assunto na grade curricular de Engenharia Civil, como já mostramos.

Entretanto, se a área de Exatas não faz parte das suas principais habilidades, o curso ainda pode ser uma opção. Basta que você se dedique um pouco mais às matérias nas quais sente dificuldade.

Interessa-se pelo mercado de Construção Civil? Tem boas chances

O mercado de Construção Civil está em constante evolução. Sabe o conceito de cidades inteligentes? São locais que otimizam mobilidade, tecnologia, recursos naturais e espaço para trazer benefícios tanto aos moradores quanto ao meio ambiente. Outras tendências têm a ver com sustentabilidade e eficiência energética — com espaços que usam a iluminação natural, etc.

Além disso, é válido ler sobre as expectativas para o setor no Brasil, entender qual é a visão dos líderes da área, qual é o PIB (produto interno bruto) do setor, como o governo tem contribuído, dentre outros. Todas essas informações podem lhe trazer insights na profissão.

Sabe trabalhar bem em equipe? Essa carreira é a sua cara

São cada vez mais raras as profissões em que você pode trabalhar de maneira isolada. Com um engenheiro civil, não é diferente. Você vai criar um projeto para determinadas pessoas, orientar a equipe de obras, lidar com fornecedores e parceiros e muito mais.

Por isso, é preciso saber ouvir e expor sua opinião com propriedade. Também vale a pena colocar-se no lugar dos outros com quem trabalha para entender seus pontos de vista — isso se chama empatia e traz muitos benefícios à equipe.

Gosta de analisar o meio ambiente? O curso é uma boa opção

Pontes, edifícios e os demais projetos construídos impactam o meio ambiente de alguma forma. Com a sustentabilidade como uma preocupação cada vez maior, é preciso fazer estudos e pensar em maneiras de proteger o ambiente com a construção.

Isso é possível ao apostar em novos materiais e formas de construção mais sustentáveis. Assim, cabe ao profissional estudar e trazer as melhores opções para cada obra.

Conta com boa capacidade de planejamento? Pode considerar a faculdade

O dia a dia de quem se forma em Engenharia Civil envolve fazer orçamentos, planilhas com prazos e materiais, estimativas de viabilidade econômica, estudar regulamentos governamentais etc. Por isso, quem sabe fazer boas pesquisas e tem foco nos estudos vai agregar habilidades importantes à profissão.

É preciso garantir que cada uma dessas etapas seja feita com cuidado para que o resultado final esteja de acordo com as expectativas. Atrasos em entregas de obras podem custar caro e manchar a reputação da empresa, gerando processos e insatisfação.

Sua organização e liderança são diferenciais? Isso também ajuda

Como você viu, uma construção passa por diversas etapas e, para que cada uma delas seja cumprida, a organização da equipe é um fator primordial. Também precisamos falar sobre liderança — ela começa com você agindo de forma proativa e fazendo mais do que suas obrigações.

O bom líder é aquele que trabalha gerando bons exemplos e estimulando as pessoas a fazerem melhor. Também sabe dar feedbacks e apontar o que pode ser melhorado.

Tem boa capacidade de comunicação? Vai fazer a diferença

Um engenheiro civil deve falar com seus superiores, as pessoas que contratam, mestre de obras e a equipe que atua no dia a dia da construção. Assim, é fundamental adequar a comunicação de acordo com as pessoas com quem conversa, para garantir que será entendido e que o projeto não tenha nenhum tipo de ruído ou problema.

Se você se identificou com essas qualidades ou quer desenvolvê-las, a carreira de engenheiro civil pode ser perfeita para você! Se quiser ter certeza, continue acompanhando e entenda em detalhes o que faz esse profissional.

O que faz um profissional de Engenharia Civil?

Claro, um engenheiro civil pode construir um bairro ou uma cidade do zero. Mas como isso é feito? Esses profissionais idealizam, esboçam, constroem, supervisionam e garantem a manutenção de projetos e infraestruturas, dos setores público e privado. Dessa forma, faz parte das atribuições projetar ou manter estradas, prédios, aeroportos, represas, pontes, túneis e projetos de saneamento e esgoto.

Muitos engenheiros civis trabalham com planejamento, projeto, construção, educação e pesquisa — estando aptos a dar aulas em faculdades. Também são funções desse profissional: 

  • analisar planos de longo alcance, relatórios de pesquisas, mapas e outros dados para planejar e executar projetos;
  • considerar os custos de construção, as regulamentações governamentais, os riscos ambientais potenciais e outros fatores durante os estágios de planejamento e análise de risco de um projeto;
  • compilar e enviar solicitações de permissão para agências locais, estaduais e federais, verificando se os projetos estão em conformidade com vários regulamentos;
  • supervisionar e analisar os resultados dos testes de solo para determinar a adequação e resistência das fundações;
  • utilizar softwares para planejar e projetar sistemas de transporte, hidráulicos e estruturas de acordo com os padrões do setor e do governo;
  • executar ou supervisionar operações para estabelecer locais de construção, layouts de locais, pontos de referência, graus e elevações para orientar a construção;
  • gerenciar o reparo, manutenção e substituição da infraestrutura pública e privada.

Qual é a diferença entre as faculdades de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo?

Ao cursar Arquitetura, os universitários se tornam prontos para planejar espaços públicos e privados, de uma casa ao urbanismo de um condomínio ou de uma cidade, pensando em acessibilidade.

Já os estudantes de Engenharia Civil farão muitas aulas voltadas para cálculos. O objetivo é desenvolver projetos e cálculos de estruturas, como pontes, rodovias e viadutos, não só de edifícios e casas.

Assim, os engenheiros lidam com cálculo, também focando o dimensionamento de cargas e propostas arquitetônicas. Enquanto isso, os arquitetos projetam residências, espaços urbanos, áreas verdes, ambientes comerciais com objetivo de trazer bem-estar, mobilidade e integração.

O mercado atual da Engenharia Civil

Como você viu, as funções são muito variadas. É possível trabalhar em empresas privadas, prestar consultorias ou se estabelecer em órgãos do governo.

Para entender melhor os impactos do cenário atual na formação do futuro engenheiro, saiba que tivemos uma live especial de Engenharia. Com a participação dos acadêmicos Marcela Navarro Pianucci, Moab Garcia Pereira e Pedro Ferraz, ela abordou oportunidades e desafios da carreira. Você pode conferir a gravação completa no vídeo abaixo:

A seguir, falamos das principais áreas. Confira!

Construção Civil

Aqui, você trabalha fazendo projetos, construindo e reformando prédios, casas e demais instalações. É um setor clássico da Engenharia e que sempre vai ter demanda para novos hospitais, shoppings, estádios etc.

Estradas e transportes

Entre as principais responsabilidades da área, estão o projeto, a construção, a pavimentação e manutenção de estradas, rodovias, viadutos, ferrovias, portos, metrôs e túneis. É uma área que deve considerar a mobilidade urbana.

Cálculo Estrutural

O Cálculo Estrutural dá base a todos os projetos, levando em conta a dinâmica e a segurança das estruturas. Vai além da análise matricial e dimensionamento de estruturas de concreto e de aço.

Gestão de projetos

Na gestão de projetos, o profissional considera todas as variáveis para que a obra seja entregue a tempo e de acordo com as necessidades. Por isso, o engenheiro civil que atua nesse ramo deve gerenciar pessoas, recursos e tempo da melhor forma possível.

Compras

A gestão de compras na Engenharia Civil pede um profissional que trabalhe com orçamento de custos aliado a um planejamento eficiente. Uma das tendências é a redução de estoques para reduzir desperdícios, economizar recursos e desenvolver uma gestão mais enxuta. 

Hidráulica e Saneamento

Nesse ramo, o profissional de Engenharia Civil usa seus conhecimentos de mecânica dos fluidos para construir ou reparar barragens, sistemas de saneamento, canais, reservatórios, sistemas de irrigação, dentre outros. A automação no saneamento é um ponto que vem sendo discutido em relação à escassez de recursos financeiros.

Conservação Civil

O fiscal de conservação civil vai atuar monitorando as estruturas e trabalhando para que elas não se deteriorem. Isso pode ser feito tanto em órgãos do governo, fiscalizando pontes e rodovias, quanto em empresas privadas.

Quanto ganha, em média, um profissional de Engenharia Civil?

Isso varia muito de acordo com a empresa, função e experiência. De acordo com o site Salário.com, um engenheiro civil tem piso salarial de R$ 7.075,95 ao mês, em média. Mas esse valor pode chegar a R$ 17.397,55. Interessante, não é?

Por que vale a pena fazer o curso?

Em 2012, o ramo da Engenharia Civil teve um dos maiores picos de crescimento, porém, foi impactado com a crise em 2015 e 2016. As previsões eram de retomada de crescimento na Construção Civil em 2020, mas, com a crise causada pelo Coronavírus e pela Covid-19, o cenário se torna incerto, assim como para toda a economia nacional e mundial.

Mas o fato é que essa área sempre vai ter demanda, seja para novos projetos do governo e também empreendimentos privados. Como você viu, sempre será preciso contar com novos hospitais, escolas, residências, prédios de escritórios. A Engenharia Civil também é influenciada por novas demandas, seja pensando em tecnologias diferentes, seja em questões de sustentabilidade.

Como se dar bem na profissão?

Por tantas possibilidades, você vai ter concorrência ao optar por trabalhar com Engenharia Civil. Por isso, veja as dicas para se sobressair na área:

  • escolha uma faculdade que tenha prestígio e entenda as necessidades do mercado. Se ela trouxer diferenciais na hora de conquistar um emprego, melhor ainda;
  • aproveite as aulas e o conhecimento dos professores, tirando dúvidas ou fazendo network na faculdade;
  • estude em casa com afinco. Não vale achar que as aulas são suficientes: leia e vá além sempre;
  • entenda que os estágios são mais uma forma de aprender, não só para ganhar dinheiro, e aproxime-se daqueles com mais experiência;
  • não pare na graduação: faça outras certificações profissionais que tragam a você o título de especialista.

Quais são os diferenciais de Engenharia Civil na Pitágoras?

Um dos principais pontos da Engenharia Civil na Pitágoras é a opção de ter certificados digitais para mostrar que você tem competência em habilidades específicas. Eles são exclusivos para os alunos da faculdade de Exatas e são possíveis por conta da parceria com diversas empresas.

É possível atestar habilidades em conceitos de nuvem, segurança cibernética, internet das coisas, dentre outros. Os certificados ajudam no seu currículo e na conquista de um emprego ou estágio.

Na Pitágoras, você também tem acesso exclusivo ao Canal Conecta, um portal de empregabilidade que ajuda ligar alunos e ex-alunos às opções de emprego. Isso se deve ao fato de que diversas empresas parceiras anunciam e buscam colaboradores no próprio portal.

Para quem está considerando se inscrever no vestibular, a Pitágoras permite que você faça todo esse processo sem sair de casa, o que facilita muito a vida. O curso conta com aulas que estão de acordo com as necessidades do mercado de trabalho e professores preparados, que trazem muito dinamismo às aulas.

Quem se forma em Engenharia Civil sabe que se trata de uma profissão que pede atualizações constantes, mas também tem um salário promissor. O profissional conta com muitas possibilidades de trabalho e pode atuar criando estruturas e locais que façam a diferença para a população, o que vai trazer gratificação muito além da financeira.

Ficou empolgado para cursar Engenharia Civil na Pitágoras? Que bom! Aproveite para entrar em contato conosco o quanto antes. Vamos adorar responder suas dúvidas! A Pitágoras permite que você faça todo esse processo sem sair de casa.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.6 / 5. Número de votos: 8

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.