Quero ser dentista! O que devo fazer?

dentista atendendo paciente

Você já pensou “quero ser dentista, o que devo fazer?”. Ingressar nessa carreira exige uma série de formações e competências específicas que, muitas vezes, o futuro profissional desconhece. Apesar das várias fases que você deverá passar para alcançar o sucesso profissional, esse é um investimento que pode valer muito a pena.

Isso porque, além de ter melhores oportunidades à sua disposição no mercado, o bacharel de Odonto poderá perceber remuneração maior e praticar um trabalho que traga satisfação pessoal e tenha função importante para toda a sociedade. Interessante, não é?

Pensando nisso, listamos alguns passos indispensáveis que devem ser observados para saber como ser dentista. E agora, vamos conferir?

Faça uma faculdade de Odontologia

O primeiro passo a ser dado para se tornar dentista é concluir faculdade de Odontologia, claro, para conseguir habilitação para trabalhar na área. Ao longo dos 5 anos de curso, você terá contato com diversas matérias de introdução e temas importantes que auxiliam no atendimento aos pacientes. Entre os assuntos abordados, temos a Anatomia facial, Patologias bucais e abordagens sobre o que é Periodontia.

Ainda no ensino superior, terá aulas práticas para testar seus conhecimentos adquiridos e verificar como ele é aplicado no dia a dia do dentista. Para garantir uma formação ampla, por outro lado, é indispensável estar atento à instituição de ensino escolhida. Sabe do melhor? Aqui na Faculdade Pitágoras, você conta com credibilidade que assegura capacitação de excelência e preparação para o mercado.

As unidades ainda oferecem apoio personalizado, o que auxilia você a definir seus objetivos profissionais e saber como alcançá-los na carreira. Outro diferencial importante é a disponibilização de um corpo docente preparado, com formação pedagógica adequada para atender a turma.

Dedique-se para conquistar seu diferencial

Em qualquer área do conhecimento, especialmente no segmento odontológico, é importante encontrar o seu próprio diferencial, tanto para se destacar no mercado quanto para ter reconhecimento enquanto profissional em longo prazo. O próprio salário de dentista pode variar de acordo com os serviços que você oferece e com a qualidade do atendimento ao público.

É fundamental pensar em estratégias de diferenciação ao deixar o curso superior, seja ao aplicar recursos inovadores no consultório, seja por desenvolver um marketing pessoal eficiente. Nesse sentido, também vale a pena estar atento às dicas de administração para, futuramente, saber como deixar seus pacientes satisfeitos.

Escolha uma área de atuação

O curso de Odontologia capacita para atuar em diversas frentes. Quando a pergunta é “quero ser dentista, o que devo fazer?”, você deve escolher um caminho para a especialização. São inúmeras as possibilidades. Poderá trabalhar, por exemplo, com Odontopediatria, atendendo crianças, ou com saúde coletiva para atender pacientes com baixa renda em programas de assistência social.

Nesses casos, é recomendado buscar uma complementação da formação ou, se for o caso, uma segunda graduação correspondente. Outra possibilidade é se aprofundar em tratamentos estéticos ou em Dentística Restauradora.

A escolha da área de interesse é passo fundamental para que você possa pesquisar as alternativas para ingressar no mercado e entender as demandas dos pacientes. Também após a escolha, poderá verificar oportunidades no setor público ou privado disponíveis para esse ramo.

Encontre emprego ou abra seu consultório

Se você optar por seguir carreira no setor privado, o que é decisão comum entre profissionais, há duas grandes possibilidades: encontrar boas vagas em aberto ou investir no próprio negócio. No início, pode ser interessante ganhar experiência em empresas como contratado. Por isso, capriche no currículo e se prepare para a dinâmica das entrevistas de emprego.

Ao longo da sua carreira, se quiser abrir o próprio consultório, é importante buscar informações adicionais que possam ajudá-lo a captar pacientes e destacar o seu empreendimento diante do público. Saber mais sobre marketing e gerenciamento de negócios, nesse sentido, pode ajudar (e muito!) a impulsionar os seus projetos. Já pensou em ganhar a média salarial de R$ 4.352,85?

Realize estágios na área

Realizar estágios na área de interesse é recomendação número 1 para qualquer estudante do ensino superior. O contato diário com a prática profissional permite adquirir experiências que vão além do conhecimento proporcionado pela faculdade. Sabe o agendamento de pacientes? Na teoria pode ser bem diferente de ir lá e fazer, não é?

Saber atender clientes é fundamental. Mas, nesse caso, se você não tiver experiência em gestão ou souber organizar consultas, a clínica pode se tornar um verdadeiro caos, ainda que o serviço prestado seja excelente. Para conseguir oportunidades de estágios e aprender com a rotina de um dentista, vale conferir o Canal Conecta, exclusivo para alunos da Pitágoras.

O portal disponibiliza diversas vagas que atendem a todos os perfis de aluno e profissional. A ferramenta ainda conta com um sistema de geolocalização que identifica cargos próximos à sua residência. Pelo site, é possível receber ofertas e cadastrar currículos.

Considere um concurso na área

Se, por opção ou pela área de atuação escolhida, for seu desejo trabalhar nos órgãos públicos, é indispensável considerar o concurso e ficar atento aos editais. Para conseguir a tão sonhada nomeação, é recomendado ter um foco em relação ao cargo pretendido e, se possível, preparar-se para as provas desde a faculdade para superar a concorrência.

Uma função pública em destaque para trabalhar como dentista, nesse caso, é a Perícia Odontológica. O profissional aprovado no processo seletivo poderá atuar em demandas judiciais, tanto na esfera cível quanto na trabalhista e criminal, emitindo laudos para orientar sobre matérias técnicas os processos do Judiciário.

“Quero ser dentista, o que devo fazer?”. Esse é um questionamento comum entre estudantes que querem dar os primeiros passos em direção a uma carreira de sucesso. A resposta à pergunta atravessa diversas ações e passos a serem dados para obter a qualificação necessária e para identificar o segmento de interesse, como vimos.

Sem dúvidas, uma das decisões mais importantes a serem feitas por você é a escolha da instituição de ensino. Além da unidade educacional, vale conferir cursos que auxiliem no aprimoramento da prática profissional, como os da LFG, que preparam tanto para o ingresso nos setores privados quanto concursos públicos de interesse.

Gostou das nossas dicas? Agora que você já sabe a resposta para a questão “quero ser dentista, o que devo fazer?”, não perca tempo. Inscreva-se no vestibular da Pitágoras e dê um passo em direção ao seu futuro profissional!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

pep

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.