Quanto ganha um bombeiro? Como aumentar seus ganhos?

bombeiro trabalhando

Seguir carreira como bombeiro é uma escolha nobre, sobretudo devido à importância de seus serviços para a população como um todo. A instituição oferece uma série de cargos, que são distribuídos de acordo com as classes do Corpo de Bombeiros Militar.

No entanto, o que muitos não sabem é que contar com um diploma de ensino superior pode ajudar o profissional a elevar ainda mais os seus ganhos. Para se tornar um profissional da área, é preciso concorrer a vagas no concurso público para bombeiros e passar por avaliações para comprovar determinadas aptidões.

Ficou curioso sobre o assunto? Então, continue acompanhando e veja:

  • quanto ganha um bombeiro;
  • quais são as áreas mais promissoras para bombeiros;
  • qual é a relevância de cursar uma faculdade para aumentar a média salarial.

Confira a seguir!

Qual é o salário inicial de um bombeiro militar?

O que define o valor pago a um bombeiro militar varia conforme o cargo que ele ocupa e o seu estado de atuação. Os salários são definidos nos editais de cada concurso, mas mesmo assim os valores podem aumentar de acordo com a evolução do profissional dentro da corporação.

De acordo com o portal Glassdoor, o salário inicial de um bombeiro no Rio de Janeiro é de R$ 4.704. Já na Bahia, o valor pode chegar a R$ 6.634 e, em Minas Gerais, a R$ 4.720. Para além dessa remuneração, o profissional também recebe alguns benefícios, como gratificações, auxílio-fardamento e auxílio-alimentação.

Percebe-se, com isso, que o salário do brasileiro que opta por seguir carreira no Corpo de Bombeiros Militar vai depender da região do país e, também, do nível de escolaridade. Para conseguir uma melhor condição e ter acesso a maiores rendimentos, é fundamental investir em qualificação profissional para diversificar a atuação dentro das opções que a corporação oferece.

Quais são as possibilidades de cargos mais altos no Corpo de Bombeiros?

Dentro da instituição, existe uma estrutura hierárquica que define como as atividades são divididas, organizadas e coordenadas para cada cargo do Corpo de Bombeiros Militar. Portanto, é possível evoluir dentro da profissão e conquistar funções específicas em cada patente.

A carreira é ideal, por exemplo, para a geração Y, que apresenta um perfil de pessoas ativas, interessadas e sedentas por conhecimento. Do mesmo modo, ser resiliente e estar disposto a enfrentar desafios são algumas das qualidades mais requisitadas para os profissionais do setor.

Geralmente, os candidatos são selecionados em um concurso público, composto por uma prova de conhecimentos gerais e específicos, além de redação, avaliação física e médica, como testes de corrida, natação e resistência corporal. A pessoa que comprova as aptidões para a carreira deve passar também por um curso de formação na Escola Oficial do Corpo de Bombeiros, que tem duração de dois anos.

A seguir, veja quais são os cargos que estão acima do inicial e, ainda, as principais atribuições de cada patente na corporação.

Cabo

O cabo passa por um treinamento específico e atua, sobretudo, no comando de resgates e salvamentos, incêndios e na prevenção de acidentes. O profissional também pode atender ocorrências de segurança e trabalhar diretamente na preservação do meio ambiente.

Sargento

Acima do cabo, o posto de sargento é voltado para os graduados na hierarquia militar com mais de quatro anos de atuação. Suas funções vão desde o controle de acidentes até o comando de equipes, desenvolvendo atividades relacionadas à chefia das guarnições e à orientação da população em situações de risco.

Subtenente

No Corpo de Bombeiros Militar, o cargo de subtenente está acima do sargentos. Suas principais atribuições são supervisionar os subordinados e assessorar o comandante nas atividades diárias da unidade.

Tenente

O posto de tenente reúne pessoas que desempenham as funções de chefe de seção ou comandante, podendo até mesmo substituir o capitão no comando da subunidade. A ocupação designa, portanto, as patentes de oficiais com status inferior ao capitão.

Capitão

O capitão desenvolve atividades administrativas em nível tático e operacional, atuando no assessoramento e no comando da unidade do Corpo de Bombeiros Militar. O profissional, portanto, planeja ações que tenham relação com a coordenação de emergências e também tem legibilidade para estabelecer parcerias com instituições afins.

Major

O major é um cargo militar que corresponde ao segundo posto em comando na corporação, sendo responsável principalmente pela condução da divisão das tropas.

Tenente-coronel

A patente de tenente-coronel está situada entre a de major e a de coronel. O profissional tem ampla experiência militar e auxilia em funções de comando. Ele também pode assumir o controle e a administração efetiva dos regimentos, atuando como coadjuvante ou como substituto do coronel.

Coronel

Coronel é o mais alto posto superior dentro da corporação, sendo tradicionalmente o comandante de um regimento. O oficial estabelece o conjunto de regras e responsabiliza-se pela administração, instrução, pagamento, fardamento, recrutamento, dentre outros aspectos da unidade.

Como o ensino superior contribui para aumentar o salário do bombeiro?

Ser formado em um curso de ensino superior de Humanas ou Exatas não é um requisito inicial para quem deseja entrar no Corpo de Bombeiros Militar. No entanto, contar com um diploma ou especializações na área é um diferencial que possibilita o aumento do salário, com o tempo de trabalho e a experiência da carreira.

Assim, a remuneração de quem tem uma formação em uma faculdade pode evoluir progressivamente, permitindo que o profissional desempenhe os mais diversos cargos dentro da corporação. Para se ter uma ideia, a média salarial das patentes mais altas pode chegar a R$ 27 mil.

Aqui na Pitágoras, oferecemos o Tecnólogo em Gestão de Segurança Privada, um curso especialmente direcionado para quem deseja atuar na área de segurança. A instituição oferece uma ampla formação em setores como o de planejamento, consultoria, análise e gerenciamento de riscos.

O nosso intuito, com isso, é atender às necessidades dos profissionais que entendam a importância da função e que queiram trabalhar ativamente para promover a segurança e o bem-estar da população. Tudo isso em uma instituição respeitada pelo MEC, com boa infraestrutura e um quadro de docentes altamente qualificados.

Ao entender quanto ganha um bombeiro em cada patente, certamente você deve ter percebido que contar com conhecimentos específicos e investir em qualificação aumenta significativamente as chances de ter melhores oportunidades de trabalho. Portanto, se está em busca de uma carreira de sucesso, lembre-se de que uma graduação pode fazer toda a diferença para alcançar os seus maiores objetivos!

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e veja também 6 motivos pelos quais investir em educação deve ser prioridade!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.4 / 5. Número de votos: 43

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.