FIES e Prouni: quais são as diferenças na prática?

prouni-fies

Quem não possui renda o suficiente para pagar a faculdade encontra nos programas governamentais, Prouni e FIES, a oportunidade de acesso ao diploma e a melhores condições de vida. Por isso, é importante conhecer as particularidades dos benefícios e saber como atender aos critérios de seleção.

Ao preencher os requisitos, você terá a chance de realizar o curso superior em uma boa faculdade e, assim, garantir sua maior empregabilidade e remuneração. Sem dúvidas, essa é uma forma de conquistar uma situação financeira estável em um futuro próximo, não é mesmo?

Neste conteúdo, apresentamos as principais diferenças entre os programas para que você encontre a forma de ingresso mais compatível com a sua realidade. Quer saber tudo sobre Prouni e FIES? Continue a leitura!

 O que é FIES?

O FIES é um programa governamental que concede empréstimos em condições mais favoráveis do que as de mercado para os estudantes do ensino superior. Nesse caso, as mensalidades serão pagas via financiamento público ou privado, cabendo ao aluno restituir o valor depois de formado.

O empréstimo pode abranger total ou parcialmente as mensalidades do curso, chegando, até mesmo, a condição de juros zero em algumas instituições financeiras e nos benefícios pagos com recursos públicos.

Como participar?

Os requisitos para participar do FIES estão relacionados à renda familiar e ao desempenho na prova do ENEM. Além disso, desde 2017, há duas modalidades de financiamento estudantil: o empréstimo com recursos diretos Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) e o concedido por bancos.

Modalidade FIES

O financiamento governamental oferece taxa de juros real zero e tem os seguintes requisitos:

  • nota mínima de 450 pontos no ENEM;
  • nota superior a zero na redação;
  • renda familiar de até 3 salários mínimos.

Modalidade P-FIES

Por sua vez, o benefício oferecido pelos bancos apresenta taxa de juros mais favorável do que as praticadas no mercado, variando conforme os critérios da instituição financeira. Veja os requisitos:

  • nota mínima de 450 pontos no ENEM;
  • nota superior a zero na redação;
  • renda familiar de até 5 salários mínimos.

Para participar, é preciso se inscrever pelo site do FIES durante o período de abertura de vagas. Lá você fará o cadastro de primeiro acesso e, caso tenha realizado o ENEM, terá seu desempenho identificado pelo sistema, concorrendo às oportunidades.

Vantagens

O FIES facilita bastante o ingresso no ensino superior, graças às condições diferenciadas para obter o financiamento e pagar o débito:

  • parcelamento com condições mais favoráveis ou, até mesmo, juros zero;
  • valor financiado proporcional à renda familiar do estudante
  • pagamento após a conclusão do curso;
  • opção de pagamento mínimo caso o estudante não tenha renda após a graduação;
  • mais vagas disponíveis do que o Prouni.

Desvantagens

Há, no entanto, algumas desvantagens em relação aos sistemas de bolsa:

  • pagamento de uma pequena taxa de encargos educacionais durante o curso;
  • necessidade de restituir o valor emprestado após terminar a graduação.

O que é Prouni?

O Prouni é um programa para concessão de bolsas de estudo em instituições privadas de ensino superior, em que é possível receber um desconto integral ou de metade da mensalidade. Logo, o estudante não precisa restituir o benefício depois do curso, uma vez que não é um empréstimo.

Como participar?

Os critérios do Prouni são mais rigorosos do que do FIES e variam conforme o interesse em uma bolsa parcial ou integral. Veja as regras:

  • nota mínima de 450 pontos no ENEM;
  • nota superior a zero na redação;
  • renda de até 1,5 salário-mínimo por pessoa na família para bolsa integral;
  • renda de até 3 salários mínimos para bolsas de 50%;
  • não ter diploma de graduação;
  • ter estudado o ensino médio em escola pública ou ter sido bolsista em instituição privada.

As inscrições também são feitas pela internet, e as informações estão disponíveis no site do Prouni. Preparamos um post completo para você que pretende entrar na Pitágoras pelo Prouni, confira!

Vantagens

O Prouni, como visto, não é um empréstimo, mas uma bolsa de estudos no ensino superior. Por isso, as vantagens são as seguintes:

  • receber uma bolsa integral ou de 50%;
  • não precisar devolver os valores ao final do curso.

Desvantagens

Já as desvantagens em relação ao FIES dizem respeito à concorrência por vagas e aos critérios mais rigorosos de seleção:

  • o número de vagas é menor;
  • não há possibilidade de bolsas proporcionais ao rendimento;
  • não há alternativas a oferta, como ocorre com o P-FIES.

Fique atento, no entanto, que a melhor alternativa para quem não tem renda para pagar a faculdade é realizar a inscrição em ambos os programas. Assim, caso não se consiga a bolsa, você pode tentar o empréstimo em condições mais favoráveis.

Outra dica é, ao conseguir uma bolsa parcial no Prouni, realizar o financiamento da outra metade por meio do FIES. Isso é possível desde que o estudante atenda aos critérios de renda.

Também é importante consultar as opções disponibilizadas pela instituição de ensino escolhida. Algumas faculdades oferecem financiamento estudantil e bolsas independentemente da participação nos programas do governo.

Aqui na Pitágoras, ao lado do Prouni e do FIES, oferecemos um programa de parcelamento das mensalidades. Ao participar do nosso vestibular e ser aprovado no PEP, você pode transferir até 70% do valor do curso para pagar depois de formado. Além disso, contamos com parcerias com instituições privadas, como o crédito PRAVALER, para disponibilizar financiamentos!

Qual a diferença entre Prouni e Fies?

A diferença entre Prouni e FIES é a natureza do benefício. O Prouni é uma bolsa de estudos de 50% ou 100%. Já o FIES é um empréstimo em condições mais favoráveis do que as de mercado, logo, que deve ser restituído depois da graduação.

Ambos os casos representam boas oportunidades para quem não tem recursos para pagar a faculdade e conquistar o diploma. Logo, são importantes instrumentos para melhorar a vida das pessoas e podem ser a saída para você realizar uma formação de qualidade.

Ao pesquisar por um curso superior, procure uma instituição de ensino que esteja vinculada aos programas. A Pitágoras proporciona esses benefícios aos seus alunos e também oferece todo o auxílio necessário para que se candidatem.

Dessa forma, você fica tranquilo e pode se preparar para o ENEM, focando nos assuntos relevantes para a disciplina escolhida e que terão maior impacto para concorrer pelas vagas existentes.

Com esse cuidado, suas chances de conquistar uma oportunidade por meio dos programas Prouni e FIES serão potencializas com um estudo mais direcionado. Então, fique atento às dicas e não deixe a oportunidade passar.

Para conhecer as regras do financiamento mais a fundo, leia nosso conteúdo específico sobre o novo FIES e conheça todos os passos para conquistar esse benefício!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

pep

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.