O que faz um cientista político? Veja as principais funções deste profissional

o que faz um administrador

Teste vocacional rápido

O cientista político é um profissional essencial para a sociedade. Por meio de análises críticas e uma leitura especializada, ele contribui para a manutenção das instituições governamentais e também para a formação da opinião pública. Mas, antes de ingressar no curso, é importante que os estudantes saibam quais são as atribuições desses profissionais dentro do mercado de trabalho.

Nesse sentido, o material de hoje terá a função de esmiuçar todos os detalhes do dia a dia dos cientistas políticos, bem como o que ele faz e quais são as suas funções ao ocupar os cargos disponíveis para esse setor em específico. Acompanhe para descobrir tudo sobre o dia a dia do cientista político!


Saiba o que faz um cientista político em diferentes cargos  e setores do mercado!

De um modo geral, os cientistas políticos, após graduar-se, se veem diante de um mercado aberto e diverso. Embora existam alguns estereótipos relacionados à profissão, estes especialistas são relevantes e requisitados em diferentes cargos. Confira!

O que faz um cientista político convencional

Os cargos mais gerais do setor de Ciência Política exigem aptidões padrão destes profissionais. Em amplo espectro, pode-se dizer que competência, proatividade, capacidade interpretativa, criticismo, ética e responsabilidade são virtudes esperadas em um cientista político. 

Ao ocuparem funções mais tradicionais dentro do mercado empregador, estes profissionais atuam de modo a desenvolver análises críticas e fiscalizar o funcionamento das esferas públicas de poder. Por conta disso, eles trabalham frequentemente com planejamento de agendas e campanhas, desenvolvimento de técnicas eleitorais e assessoria política. 

Saiba como estas habilidades distribuem-se entre cargos específicos. Confira os tópicos subsequentes!


Assessor político 

Por dominar as estruturas de funcionamento da administração pública, o cientista político é amplamente desejado dentro das esferas de governamentalidade do Estado. Nesse sentido, os cargos de assessores políticos trabalham junto de parlamentares e figuras político-eleitorais.  Dentro do gabinete, a função destes especialistas é oferecer todo o apoio necessário para que o interesse público e as tarefas burocráticas sejam atendidas com sucesso.

Presencial, 100% EAD ou semipresencial: em qual vou me adaptar melhor?

Organizador/planejador de campanhas eleitorais

Semelhante ao cargo de assessoria política, o organizador de campanhas eleitorais direciona um olhar estratégico para as campanhas das figuras políticas e dos candidatos.  Assim, os cientistas políticos são importantes porque possuem conhecimento e leitura crítica do panorama político do país. Geralmente, os postulantes necessitam da expertise destes profissionais para pautarem as suas campanhas eleitorais. 

Analista de dados

Poucos sabem disso, contudo, os cientistas políticos desenvolvem excelentes aptidões para interpretar e analisar dados sociais. Um exemplo disso são os próprios dados de campanha, que servem como fonte para estratégias públicas. Muitas vezes, o público em geral não compreende o funcionamento da máquina eleitoral e o que as pesquisas de opinião pública revelam. Aqui, o papel do cientista político é justamente tornar transparente e compreensível essas informações.

Consultor de Políticas Públicas

Fiscalizar e garantir a manutenção das instituições públicas é uma função esperada dos profissionais formados em Ciência Política. Esta tarefa inclui a aplicabilidade das atividades que atendem aos direitos da população, e o cumprimento dos pontos contidos dentro do documento da Constituição brasileira.

Dessa forma, os cientistas políticos podem exercer o cargo de consultores dos gestores públicos, ajudando na elaboração de pautas e medidas que assegurem o pleno funcionamento dos órgãos administrativos municipais, estaduais e federais. 

De um modo geral, os cargos citados acima são os mais destacados dentre as diversas opções existentes no mercado. É evidente que tudo depende dos propósitos e dos objetivos de formação de cada estudante. Assim, vale avaliar quais são as áreas que se tem mais interesse e buscar entender como elas são apropriadas dentro do mercado empregador.


A Pitágoras está de portas abertas para receber você no curso de Ciência Política!

Você tem o sonho de conquistar um diploma em Ciência Política? Então está na hora de conhecer as opções oferecidas pela Faculdade Pitágoras. Pensando na comodidade e conforto de nossos estudantes, somos pioneiros na adoção de métodos de ensino híbridos. Assim, você pode escolher a modalidade que mais se adapta a sua rotina!


Nossa equipe de profissionais é altamente especializada e está pronta para compartilhar novos conhecimentos de forma inovadora. Acesse nosso site e faça sua inscrição para o vestibular.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Prouni, FIES, crédito estudantil ou bolsa privada: qual a melhor opção para mim?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.