Medicina alternativa: o que é e como a faculdade prepara você?

mulher em tratamento de medicina alternativa

A área de Saúde tem algumas das profissões mais bem-pagas do mercado de trabalho. Para se ter uma ideia, as remunerações para Farmácia ou Enfermagem começam acima dos R$ 3 mil para cargas horárias a partir de 38 horas semanais. Já o piso salarial para Medicina Clínica ultrapassa os R$ 7 mil.

Dentre as tendências em voga na área da Saúde, existe uma que costuma despertar dúvidas ou até mesmo desconfiança por parte do senso comum: a Medicina alternativa. Afinal, suas práticas não convencionais nem sempre são compreendidas pelas pessoas, que assumem sua inferioridade diante das técnicas convencionais. Porém, a verdade é que ela pode ser uma importante aliada desses métodos.

No ensino superior, é importante refletir sobre esse tema, sobretudo, para desfazer preconceitos e mostrar como lidar com a tendência. É o que nós da faculdade Pitágoras temos feito com nossos alunos, a fim de formar profissionais ainda mais completos.

Neste post, vamos conhecer a resposta para as perguntas a seguir.

  • O que é a Medicina alternativa?
  • Por que é importante que ela seja desempenhada por um médico?
  • Como a faculdade prepara o estudante?
  • Quais cuidados tomar ao trabalhar na área?

Continue a leitura para saber mais!

O que é a Medicina alternativa?

A Medicina alternativa consiste, resumidamente, em um conjunto de práticas terapêuticas que não são consideradas como válidas pela convencional — que vamos entender como o campo médico estruturado historicamente pela civilização ocidental.

Contudo, essa definição inicial não é suficiente, pois deixa de lado pontos de contato importantes entre ambas as esferas. Talvez o aspecto crucial da Medicina alternativa seja sua ênfase nos saberes tradicionais e nas evidências empíricas, não se fiando somente nos conhecimentos científicos.

Não estamos falando de técnicas que excluem dinâmicas obrigatórias, como tomar vacinas e fazer exames. Na verdade, são métodos que devem ser adaptados à situação de cada paciente. Isso significa que a Medicina convencional e a alternativa não precisam necessariamente ser inimigas.

Quando bem combinadas, podem contribuir juntas para os processos de tratamento, aliando conhecimentos objetivos com abordagens mais humanas. A dinâmica alternativa permite, por vezes, uma proximidade maior com os pacientes, em suas peculiaridades afetivas, psíquicas e emocionais.

Com isso, busca-se um nível de integração maior, por meio de práticas como o uso de ervas medicinais e medicamentos manipulados. Quando utilizadas de maneira consciente, sem desrespeitar a necessidade de acompanhamentos especializados, podem trazer benefícios físicos e mentais preciosos. Nesse sentido, alguns exemplos da Medicina alternativa são a acupuntura e a aromaterapia.

Por que é importante que ela seja desempenhada por um médico?

Apesar das suas inúmeras vantagens, as terapias alternativas de Saúde podem trazer prejuízos quando manipuladas por mãos erradas. Terapeutas não qualificados ou que não têm os conhecimentos necessários não devem realizar tais práticas.

É fundamental que a função seja desempenhado por médicos alternativos qualificados, que conheçam a fundo os métodos utilizados e saibam quais são os limites existentes para cada tratamento. A Medicina alternativa nunca deve ser tomada como um substituto da clínica, mas como um complemento, capaz de aprimorar os resultados pretendidos.

banner plano de estudos medicina pitágoras

Além disso, não basta recusar ou excluir a perspectiva alternativa, pois continuarão a existir pessoas dispostas a utilizarem seus conhecimentos sem os devidos fundamentos. O ponto-chave é promover a conscientização de todos, para que ocorra uma inserção responsável da Medicina alternativa no espectro da convencional.

Como a faculdade prepara o estudante?

É hora de falar sobre a importância de um curso de Medicina adequado, capaz de fornecer devidamente os conhecimentos básicos da Medicina convencional e traçar vínculos estratégicos com a alternativa. A faculdade Pitágoras busca conscientizar sobre essas tendências, oferecendo uma visão ampla da profissão.

Entendemos que a constituição humana não tem apenas dimensões físicas, mas também aspectos mentais, emocionais e até espirituais. Devemos levar em consideração as técnicas diversas para incrementar o tratamento, priorizando a segurança e o bem-estar do paciente.

No contexto de Enfermagem na pandemia, por exemplo, como os profissionais e pacientes podem se beneficiar de uma formação médica integrada? Como dominar conhecimentos técnicos objetivos, sem perder de vista aspectos subjetivos, que assumem manifestações singulares para cada paciente?

Vale refletir sobre a própria validade do termo Medicina alternativa, ou seja, de algo que seria usado em substituição a outra coisa. Toda a perspectiva medicinal pode se beneficiar de uma mirada complementar, que valorize médicos e enfermeiros, mas que assimile também esferas tradicionais do saber.

Quais cuidados tomar ao trabalhar na área?

Devido às indefinições existentes sobre o tema, mal-entendidos perigosos podem ocorrer. Por isso, é sempre indispensável seguir determinados cuidados na hora de atuar na área e se capacitar.

Em primeiro lugar, é fundamental escolher uma faculdade de qualidade, com professores qualificados e a devida infraestrutura para o conhecimento. Ao estudar na faculdade Pitágoras, o estudante expande a própria visão profissional. Ele será incentivado a assimilar técnicas variadas, explorando suas habilidades humanas, sem perder de vista o valor primordial da vida.

Além disso, é desejável que a instituição incentive o lado prático, mostrando concretamente qual é o significado dos conhecimentos adquiridos. Por um lado, isso forma trabalhadores melhores, aptos a lidar com os desafios da área de Saúde no presente. Por outro, permite que os profissionais encontrem caminhos singulares para sua inserção no mercado.

As possibilidades existentes, seja de emprego em Farmácia, Medicina ou Enfermagem, devem estar ao alcance concreto de cada um. O profissional, por sua vez, deve ser capaz de enxergá-las com olhos conscientes e mãos competentes.

Uma instituição sólida, que efetivamente contribua para a realização profissional de seus alunos, é imprescindível. Plataformas como o Canal Conecta, por exemplo, exclusivas para alunos da Pitágoras, são de grande valia no crescimento de cada indivíduo.

Como você pode ver, essas possibilidades mais abertas de compreensão da Saúde são instigantes e demandam grande responsabilidade. Para trabalhar com a Medicina alternativa, então, é preciso ter uma boa formação, com conteúdos atualizados e apoio acadêmico para que você possa se desenvolver tanto ao longo do curso quanto após a retirada do diploma.

É isso que você está buscando? Então, venha ser aluno da Pitágoras! Para saber mais sobre o curso e o vestibular, entre em contato conosco! Quem sabe não encontramos uma trajetória especial para você?

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content