7 portais de freelancer para você se cadastrar e ganhar dinheiro extra

7portaisdefreelancerparavocesecadastrareganhardinheiroextra

Custos com faculdade nem sempre são acessíveis para todos. Visando driblar esse desafio, além de garantir um financiamento estudantil, muitos precisam, ainda, trabalhar. Nesse caso, uma grande dica para não prejudicar os estudos é se inscrever em portais de freelancer. Na maioria dos jobs, nem é preciso sair de casa para ganhar dinheiro — maravilhoso, né?

A categoria freelancer, inclusive, tem dado saltos de crescimento, no país. Para você ter uma ideia, de junho a setembro de 2019, a taxa de desemprego diminuiu de 12% para 11,8%, representando, em números absolutos, um total de 459 mil pessoas a menos desocupadas. Grande parte desse sucesso se deve à entrada de mais trabalhadores informais no mercado. Os dados são do PNAD e divulgados pelo IBGE.

Os trabalhos são ainda uma forma de você ganhar mais independência, conseguindo sair de casa, e treinar suas qualificações para quando precisar trabalhar como estagiário.

Reunimos, aqui, os melhores portais de freelancer:

Workana

A Workana é uma plataforma freelancer para diversos tipos de trabalho, como de redação, tradução, design, TI, finanças. Funciona assim: cada empresa faz publicação do tipo de projeto que necessita. O freelancer que tiver interesse manda a proposta do valor que deseja receber. Se cada lado estiver de acordo, é só fechar o trato.

São muitas opções, pois todos os dias são postados vários pedidos. Para ter mais sucesso, a recomendação é preencher seu perfil da forma mais completa possível. Além disso, tente se valorizar, desde o começo, não aceitando valores mais baixos que a média do mercado.

99Freelas

Outra opção é o 99Freelas. Aqui funciona de forma parecida com o Workana, no qual os clientes postam pedidos de diversos jobs, como tradução ou redação para blogs e e-books. Não há um valor exato para cada trabalho, pois isso é acertado entre você e a empresa que faz pedido.

Assim como a dica anterior, preencha seu perfil e insira aquelas qualidades que farão os clientes prestarem mais atenção. Por exemplo, se você tem fluência em alguma língua, se já fez cursos ou trabalhou precisando usá-la, deixe isso destacado, pois será um diferencial para os trabalhos de tradução.

Também perceba quais os requisitos exigidos. Por exemplo, de forma geral, em redações para internet, é preciso ter conhecimentos de SEO (otimização para sites de busca). Então, que investe em um curso de Marketing pode se dar muito bem aqui!

Para quem deseja mais oportunidades e quer dar aquele destaque especial ao perfil, existe a opção de fazer a assinatura mensal para prestar os serviços, que varia entre R$29,90 e R$59,90.

Upwork

E que tal aproveitar os trabalhos fora do Brasil e ganhar em dólar? O Upwork é um dos portais de freelancer que permite isso. Lá é possível encontrar muitos trabalhos, como redação, design, desenvolvimento de software, marketing e vendas, arquitetura e engenharia, análise de dados, atendimento ao cliente e suporte administrativo. Só tem um detalhe: é preciso ser bom no inglês, pois é a língua usada na maioria dos jobs.

O sistema de pagamento funciona de forma parecida com os outros dois sites, com a diferença que nesse é possível optar por receber por horas, em vez de produção. Por ser em uma moeda valorizada, a oportunidade é boa, não acha?

Freelancer

No Freelancer, você cadastra seu perfil e faz descrições sobre habilidades e talentos. São várias possibilidades, como: contabilidade, tradução, redação, revisão, marketing, TI, design, desenvolvedor de aplicativos, entre outros.

O cadastro é grátis, mas existe um limite de até 8 ofertas por mês. Se quiser levar a carreira para um próximo nível e fazer parte do Programa de Freelancer Preferencial, basta se dedicar, com pontualidade, confiabilidade, conduta profissional, boa comunicação e fazer a assinatura de U$9,95.

Existem trabalhos em várias línguas, mas a moeda usada é o dólar. O pagamento pode ser por hora ou por projeto fixo.

GetNinjas

Se você procura algo mais eclético, com maior diversidade ainda de trabalhos, gostará do GetNinjas. Alguns exemplos são: assistência técnica, aulas, serviços em automóveis, reformas, artesanato, maquiagem, cuidador de pessoas, nutricionista. Ele vale, na verdade, como um grande Classificados online.

Para encontrar um trabalho que tem a sua cara, é preciso fazer o cadastro e preenchê-lo com suas competências. Tudo é grátis, não há mensalidades e você pode pedir o valor que achar razoável.

Meu Redator

O Meu Redator é mais um dos sites para freelancers. Ele foca em redatores web, ou seja, é bom para quem deseja trabalhar com redações e textos para a internet, como blog posts e e-books.

O cadastro é gratuito e, para receber os pedidos de jobs, você precisa criar um portfólio, com até 2 textos. É por meio deles que a equipe avalia sua escrita, para ver se você está apto a fazer parte do time de redatores. É por ele, também, que os clientes podem ter uma noção das suas habilidades. Assim, a dica é caprichar bastante.

Os temas dos textos são vários, como marketing, mercado imobiliário, tecnologia e finanças. Com relação aos valores, isso é acertado entre você e a equipe. As demandas de trabalho dependem do projeto e do cliente.

Rock Content

Outra plataforma que reúne os melhores trabalhos freelancer é a Rock Content. Lá as oportunidades são para redatores, revisores, planejadores de pauta e diagramadores. Para começar a trabalhar, é preciso realizar a candidatura em alguma das áreas citadas. O site também exige que você seja MEI (Microempreendedor Individual). Isso é bom, pois incentiva e valoriza sua formalização.

Para redação, ainda é preciso escolher um tema com o qual você tenha mais afinidade, como marketing digital, administração, educação, tecnologia da informação, saúde, beleza, entre outros. Se a candidatura for aprovada, você já pode começar a pegar os primeiros jobs.

Agora, quer uma dica para se destacar e passar os concorrentes para trás? Os cursos de Marketing digital, Letras e Ciências da Computação por exemplo, poderão fazer diferença no seu portfólio — seja para lidar com SEO, textos ou programação!

E então? Já escolheu um dos portais de freelancer para chamar de seu? Não se esqueça de que, apesar de ser um trabalho mais informal, é preciso levar a sério e demonstrar responsabilidade logo de cara, tá bom? Ah, e controle seus gastos! Assim, você aproveita o dinheiro recebido de forma inteligente.

Achou interessante essas ideias? Que tal compartilhar com seus amigos, nas redes sociais? Vai que alguém anima a descobrir esse mundo junto com você!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.3 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content