Conheça uma parte da grade curricular do curso de Farmácia

farmácia grade curricular

Teste Vocacional Rápido

Desenvolver e produzir medicamentos é uma atividade que chama a sua atenção? Então, talvez esteja na hora de aprender tudo sobre o curso de Farmácia, grade curricular e suas principais matérias. Explorar os detalhes das disciplinas é o primeiro passo para escolher uma faculdade que atenda às suas expectativas.

Felizmente, a maioria das instituições disponibiliza a lista com os conteúdos abordados em diferentes áreas do conhecimento. Basta acessar o site oficial de cada uma e pesquisar sobre a graduação de seu interesse. E se o seu objetivo é compor o grupo dos futuros farmacêuticos, saiba que chegou ao lugar certo.

Fizemos uma seleção com os principais títulos presentes na grade curricular de Farmácia para você ter noção do que vai encontrar pela frente. Prossiga com a leitura e entenda mais!

Microbiologia

É a especialidade que estuda os principais grupos de micro-organismos e agentes microbiológicos. Isso inclui a categoria de agentes patogênicos, como vírus e bactérias que causam doenças infecciosas. Ao entrar na faculdade, você vai descobrir como essas formas de vida agem e sua relação com o ambiente.

Na grade curricular de Farmácia, a Microbiologia costuma estar ligada à indústria de cosméticos, alimentos e remédios. Isso porque aborda processos que ajudam a garantir a qualidade dos produtos utilizados pelas pessoas, a fim de proporcionar segurança ao consumidor ou paciente.

Ciências Morfofuncionais

Algumas matérias da Farmácia se dividem em categorias para que os conteúdos sejam vistos com mais detalhes. É o caso das Ciências Morfofuncionais — separada em Sistemas Digestório, Endócrino e Renal; Sistemas Imune e Hematológico, Sistemas Nervoso e Cardiorrespiratório; e Sistemas Tegumentar, Locomotor e Reprodutor.

Ambas são disciplinas de anatomia necessárias para analisar o efeito de fórmulas naturais ou sintéticas no corpo humano. Elas também permitem avaliar as reações e outros mecanismos que ocorrem a partir do uso de certas substâncias.

Química Geral

Quem escolhe o curso superior de Farmácia deve ter afinidade com essa matéria. Afinal, ela costuma ser empregada em vários períodos, desde as primeiras aulas. É uma área de estudo que possibilita compreender como determinados compostos agem no organismo e quais consequências isso gera.

Na graduação, o estudante terá contato com a parte introdutória da Química. Ela serve para apresentar as características do universo molecular e atômico. Os ensinamentos se concentram nas propriedades dos estados físicos da matéria.

Química Analítica

É nesse título que você vai acessar conteúdos de química analítica, quantitativa e qualitativa — uma parte que envolve muitos cálculos, além de questões de geometria molecular e propriedades periódicas. Então, prepare o cérebro para realizar uma série de exercícios e retomar suas habilidades matemáticas.

A Química Analítica aborda tratamento de dados e introdução à eletroquímica. Os alunos a utilizam para separar, identificar e determinar quantidades relativas dos componentes de amostras. Também é a matéria da grade curricular da Farmácia que engloba os estudos de gravimetria e volumetria (de precipitação, complexação ou neutralização).

Farmácia Clínica

Também chamada de Farmacologia Clínica, é a área dedicada à avaliação dos medicamentos disponíveis para cada tipo de tratamento. A principal finalidade está em alinhar o efeito do produto aos resultados esperados após a interação com o organismo do paciente.

A matéria inclui princípios da atuação clínica e atenção farmacêutica, educação em saúde e interação medicamentosa. Quem se identifica com essas questões tem bastante chance de construir uma carreira de Farmácia que envolva uso racional de remédios, cuidado e promoção do bem-estar da população.

Cosmetologia

É a parte da grade curricular de Farmácia que introduz a composição dos cosméticos e seus excipientes. Os conteúdos reforçam a importância dos cuidados com a cútis apresentando dados sobre tipos e estruturas de pele, involução cutânea, fotoproteção e variedade de tratamentos (como desodorização e cosmética capilar).

Ganha destaque entre as disciplinas por abordar o lado da estética e do bem-estar. Ou seja, seus principais alvos são os produtos voltados para a melhoria da aparência, embora muitos deles possam ter propriedades positivas para a saúde geral. O farmacêutico que segue esse caminho costuma trabalhar em setores da indústria, pesquisando e registrando fórmulas.

Homeopatia

Pode ser ofertada como optativa na grade curricular de Farmácia, mas é importante para que os alunos tenham contato com tipos de Medicina que vão além da tradicional. A Homeopatia consiste em um método terapêutico que busca tratar doenças a partir de diluições sucessivas de determinada substância (extratos vegetais, minerais, animais ou sintéticos).

Trata-se de um ramo da medicina alternativa e complementar, usado para recuperar o equilíbrio orgânico do corpo. A matéria apresenta questões de conceitos homeopáticos e farmacotécnica. Se, após a formação, o graduando quiser manipular produtos dessa área, precisará fazer uma especialização.

Tecnologia Farmacêutica

Por envolver muitos assuntos, também costuma ser dividida em módulos. Eles são compostos por aulas práticas que demonstram o processo de fabricação de loções, cremes, cápsulas, pomadas e outras formas de medicamentos.

Essa matéria é introdutória para diversas análises microbiológicas e físico-químicas. Nas aulas, você vai entender, por exemplo, por que determinadas fórmulas precisam ser agitadas e o motivo para que certos ingredientes fiquem em repouso.

É um grande diferencial poder aplicar testes para entender como as interações e as misturas de produtos funcionam. E não se preocupe se você optar pela Farmácia a distância pela modalidade semipresencial, já que essa estrutura combina atividades em sala com tarefas remotas.

Assim, quando precisar colocar a mão na massa, basta ir até a unidade da sua instituição e realizar os trabalhos com o apoio de todos os equipamentos. Vale destacar que a grade curricular da Farmácia na Pitágoras inclui, além das matérias citadas, outras disciplinas para completar o seu aprendizado, além das práticas mencionadas.

Chegou a sua vez de estudar todos esses conteúdos!

Ficou claro que a graduação citada tem desde assuntos simples até operações complexas, já que passa por várias áreas do conhecimento. De qualquer forma, ficou muito mais fácil definir se o curso de Farmácia e sua grade curricular correspondem ao que você espera para uma formação completa e de qualidade.

Quer conferir outros detalhes das faculdades da área da saúde? Baixe o nosso e-book sobre o assunto e aproveite para esclarecer dúvidas!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.