Estudar de graça é possível? Veja como conquistar esse sonho!

estudardegracaepossivelvejacomoconquistaressesonho

O diploma é um dos principais sonhos de quem sai do ensino médio e, até mesmo, de quem já faz parte do mercado profissional. E como as dificuldades financeiras podem ser uma barreira, impedindo o pagamento de mensalidades, muitas pessoas buscam formas de estudar de graça.

A boa notícia é que isso já é uma realidade total ou parcial para milhares de brasileiros. Segundo o Censo da educação superior de 2018, cerca de 46,8% dos matriculados em cursos de graduação privados recebem algum tipo de bolsa ou financiamento. As opções não se limitam aos programas governamentais, como Prouni e FIES, havendo uma grande participação de créditos e bolsas privados.

Por isso, se você passa por dificuldades financeiras, não deixe de conferir este conteúdo. Ao longo do texto, apresentamos as principais opções para que você estude de graça e, assim, conquiste o diploma de nível superior!

Afinal, é possível fazer faculdade de graça?

Enquanto o ensino superior público se tornou uma via mais fechada, as instituições de ensino privadas se democratizaram com o passar do tempo. Hoje, 75% das matrículas são realizadas em faculdades particulares e, como visto, quase a metade com algum tipo de incentivo.

Os benefícios, vale ressaltar, estão divididos em bolsas e créditos. Nos primeiros, o estudante recebe o direito de estudar, tendo os custos da mensalidade pagos por outra pessoa ou entidade; no segundo, ocorre um empréstimo, geralmente na modalidade de financiamento, que precisa ser restituído ao final do curso.

Em ambos os casos, você pode estudar de graça se alcançar um benefício integral. Para isso, geralmente, são considerados critérios relacionados à renda e ao desempenho em exames, como vestibular e Enem.

Como estudar de graça em uma faculdade particular?

As vias de acesso ao custeio integral do curso superior são bastante diversificadas. Em geral, as opções para estudar de graça são as seguintes:

  • Prouni
  • Convênios;
  • Bolsas de faculdade;
  • Crédito privado;
  • FIES.

Todas as modalidades apresentadas são admitidas aqui na Pitágoras. Por isso, qualquer que seja a opção que você consiga utilizar, é possível acessar um ensino de excelência.

Prepare-se para o Prouni

O Programa Universidade para Todos é coordenado pelo Ministério da Educação e fornece bolsas integrais para as principais faculdades privadas do país. Para concorrer ao benefício, o interessado precisa ser obter nota de 450 pontos no Enem e, ao menos, não zerar a redação.

Além disso, o Prouni exige que a pessoa tenha estudado o ensino médio em escola pública ou na condição de bolsista em colégio privado. E a renda por integrante da família não pode ser superior a três salários-mínimos.

A candidatura a uma bolsa é feita pelo sistema de seleção unificado na página do programa governamental, em cronograma divulgado após a conclusão do Enem.

Pesquise opções de bolsas de estudo por convênio

Os convênios são parcerias da instituição de ensino com empresas privadas. Normalmente, os negócios oferecem essas bolsas para qualificar ou premiar os profissionais, aumentando os benefícios para os contratados.

Cada instituição de ensino tem sua própria lista de parceiros. No caso da Pitágoras, você pode buscar o nome ou CNPJ do seu empregador pelo site e verificar se existe algum vínculo, acessando a página de convênios do nosso site.

Verifique se a faculdade tem algum programa de bolsas

As faculdades também podem conceder bolsas de estudo no território nacional ou, por meio de parcerias, para estudar no exterior de graça. No entanto, diferentemente do Prouni, a seleção não é unificada e os critérios são estabelecidos pela instituição de ensino.

Nesse sentido, antes de escolher o curso e prestar o vestibular, é importante verificar qual é a possibilidade de obter incentivos. Até porque, a concorrência para fazer faculdade de graça pode variar de um curso para o outro.

Se você tem interesse em estudar de graça, tendo bolsa na Pitágoras, além do Prouni e dos convênios, é possível concorrer a uma bolsa no momento da matrícula. Nesse caso, serão considerados critérios de renda e desempenho na vestibular, além da disponibilidade de vagas no curso.

Considere fazer o FIES

O financiamento público é outra maneira de estudar de graça, embora seja necessário restituir o crédito obtido. No entanto, com as novas regras do FIES, isso dependerá bastante da sua renda mensal. Afinal, com a mudança, o crédito agora é proporcional.

Os requisitos para concorrer são pontuação de 450 pontos no ENEM e acima de zero na redação, bem como renda de até 3 salários-mínimos. O crédito é concedido sem juros, e o pagamento se inicia após a colação de grau.

Uma vantagem em relação ao Prouni, vale ressaltar, é que qualquer Exame Nacional do Ensino Médio posterior a 2010 pode ser utilizado para concorrer às oportunidades.

Avalie o crédito privado

As instituições financeiras e as de ensino também costumam oferecer o financiamento estudantil com condições diferenciadas para cursar o ensino superior. Essas linhas podem ser criadas com regras próprias ou por meio do P-FIES. Em ambos os casos, os juros costumam ser menores do que os de empréstimos comuns.

É importante destacar que o P-FIES é acessado pelo mesmo sistema do financiamento público, sendo uma nova modalidade criada pelo governo. O requisito de desempenho no ENEM não muda, e o critério de renda sobe para até 5 salários-mínimos.

Como estudar para concorrer as bolsas?

Como o desempenho no Enem e vestibular afetam a concessão de bolsas, é muito importante se planejar adequadamente para realizar uma boa prova.

Para isso, você pode participar da Trilha do ENEM. Nessa plataforma, com testes e simulados, o sistema montará um plano de estudos focado nas suas necessidades e pontos de melhoria.

Sendo assim, você pode dar um salto de qualidade mesmo se tiver pouco tempo para estudar, focando nos pontos-chave para sua aprovação. Logo, você terá mais chances de conquistar uma bolsa ou crédito estudantil para estudar de graça.

Gostou? Quer conhecer todas as opções disponíveis e tirar as suas dúvidas sobre os benefícios para ingressar na faculdade? Fale com a gente!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content