Engenharia Mecânica e tecnologia: entenda a relação

engenharia mecânica tecnologia

A Engenharia Mecânica e a tecnologia andam juntas, apesar do pensamento equivocado de alguns de que uma concorre com a outra. Não tem nada disso! Afinal, se você parar pra pensar, todos os avanços tecnológicos das últimas décadas contam com a participação direta de engenheiros, inclusive mecânicos. Afinal, sem eles, até a Internet ficaria sem sentido.

Você pode notar a mão do engenheiro mecânico em quase todos os aspectos da vida: desde um simples ar-condicionado em nossas casas até as turbinas de aviões. Nessa lista, ainda podemos incluir equipamentos pra obter petróleo, máquinas da indústria automobilística e aparelhos de Biomedicina.

Se você gosta de números e ama inovação, talvez o curso de Engenharia Mecânica seja perfeito para o seu futuro decolar! Quer aprender a transformar ideias em produtos concretos? Então, leia este post e entenda por que não dá pra separar a Engenharia Mecânica e a tecnologia!

Como a tecnologia interfere na Engenharia Mecânica?

Os avanços da inovação modificaram a realidade de muitas profissões. Nesse contexto, não foi diferente com essa carreira. Pra um jovem, fica difícil imaginar fazer contas complexas apenas com ajuda de calculadoras.

Porém, era isso que acontecia antes da Internet, quando os profissionais levavam dias ou até semanas pra concluir um único cálculo. Contudo, a união da Engenharia Mecânica e a tecnologia transformou essa antiga realidade.

Atualmente, softwares modernos e focados na área calculam em poucos segundos. Na prática, essa evolução permitiu uma enorme queda nos erros e uma agilidade incrível no trabalho desses especialistas.

Além disso, os sistemas mecânicos passaram a ser monitorados por programas de informática, de modo que os experts em mecânica precisam também entender de soluções de TI. Assim, fica claro que a Engenharia Mecânica e a tecnologia são áreas do conhecimento inseparáveis.

Todo mundo que gosta de tecnologia deve fazer Engenharia Mecânica?

Existem poucos profissionais que sabem aplicar tecnologia na Engenharia Mecânica de forma associada. Por esse motivo, é uma área interessante pra prosperar, em termos de vagas e salários.

Mas não adianta só gostar de inovação. Você precisa ter o perfil de um estudante de Engenharia. Pare e pense: você gosta de Matemática? Vai bem em Física?

Se a sua resposta for sim, provavelmente vai ser uma carreira perfeita. Agora, o profissional que reúne habilidades de engenheiro mecânico com as de tecnologia tem que ser alguém muito curioso. Essa vontade de descobrir e entender os mecanismos das coisas é essencial na área.

Mas não é só isso. Você vai precisar também de espírito de liderança, visão analítica dos fatos e do comportamento humano e muita habilidade pra trabalhar em equipe.

A grade curricular de Engenharia Mecânica capacita pra tecnologia?

Hoje em dia, as melhores faculdades de Engenharia Mecânica já oferecem matérias que vão bem além do conhecimento técnico em si. Mais um recurso importante nesse contexto é a disponibilização de laboratórios com softwares de última geração. Assim, os estudantes conseguem relacionar tecnologia e mecânica na prática.

Apesar desse know how fornecido por algumas entidades educadoras, o aluno precisa ter a consciência de que os avanços nessa área nunca param. Diante dessa realidade, é crucial se atualizar constantemente.

Pra isso, uma boa ideia são os cursos de especialização em Engenharia Mecânica, que você pode fazer depois de se formar. Neles, além de uma requalificação adequada, dá pra fazer network e aumentar suas chances de bons empregos.

Como a tecnologia afeta a Engenharia Mecânica no trabalho?

Smartphones, redes sociais e aplicativos são coisas naturais pra quem está começando. Porém, essas modernidades não eram comuns há 30 ou 40 anos. Por isso, o que hoje parece natural é o resultado de muito desenvolvimento.

Por causa dessas mudanças, os processos nas indústrias são automatizados e envolvem digitalização das informações. Desse modo, o dia a dia do engenheiro mecânico é cheio de tecnologia, em todas as etapas do trabalho industrial.

Por exemplo: na hora de projetar, existem softwares para elaborar desenhos técnicos e efetuar cálculos. De igual maneira, durante as operações produtivas, máquinas e equipamentos misturam sistemas mecânicos e tecnológicos.

Não muito diferente é o estágio final desses processos, quando a mercadoria já está pronta e passa por técnicas que usam a inovação pra controlar a sua qualidade.

Ou seja, a tecnologia no mercado de Engenharia Mecânica é essencial do mesmo jeito que é pra qualquer profissão ou segmento. Diante isso, quem está entrando na área acaba tendo mais vantagens.

Afinal, os novatos têm mais facilidade pra lidar com as inovações. Nesse contexto, podemos afirmar com segurança que a Engenharia Mecânica vale a pena, desde que você esteja atualizado também na questão digital.

Quais são as principais inovações tecnológicas ligadas ao setor?

Como a gente viu, projetos de Engenharia Mecânica ganham soluções de TI robustas, com softwares de ponta. Mas o progresso da tecnologia é bem mais amplo. Por exemplo, uma inovação importante foi a redução de custos: com programas de informática, o cálculo dos insumos ficou bem preciso. Assim, as companhias começaram a gastar menos pra produzir determinado item.

A manutenção também evoluiu bastante. Afinal, aplicativos específicos podem controlar o desgaste de peças e apontar quando elas devem ser trocadas. Como resultado, uma fábrica evita interromper a sua operação, algo que no passado causava enormes perdas.

Mas a tecnologia também trouxe impacto na Engenharia Mecânica com a criação de novos produtos, como os carros elétricos e autônomos. Mais um exemplo foi um robô construído por pesquisadores da Universidade de Utah, nos Estados Unidos. O equipamento faz cirurgias no cérebro com mais precisão e velocidade. Com isso, será possível diminuir o tempo médio pra perfurar um crânio de 2 horas pra 2 minutos e 30 segundos.

Ou seja, o próprio conceito sobre o que é Engenharia Mecânica na prática se confunde com a tecnologia e até com outras Engenharias, como de Computação, Mecatrônica, de Produção e assim por diante.

Qual a importância da faculdade nisso tudo?

Na hora de escolher a faculdade, é preciso considerar a capacidade da instituição de te preparar para o mercado atual. Nesse contexto, aqui na Pitágoras, o graduado recebe um aprendizado bem completo.

Assim, com o diploma do curso de Engenharia Mecânica nas mãos, pode criar, gerenciar e manipular equipamentos hidráulicos, mecânicos e térmicos. Com esse conhecimento, você fica pronto pra atuar nos mais variados ramos da indústria.

Mas nossas vantagens não param por aí. Justamente pensando na importância da inovação, proporcionamos cursos gratuitos, com certificação de grandes nomes da tecnologia. São exemplos disso nossos convênios com a HUAWEI ICT Academy, AWS Academy, AWS Educate e a CISCO.

Também nos preocupamos em incluir na nossa grade curricular de Engenharia Mecânica disciplinas que desenvolvem a habilidade tecnológica. Dê só uma olhadinha em quanta coisa legal:

  • Algoritmos e Lógica de Programação;
  • Engenharia, Ciência e Tecnologia;
  • Cálculo Diferencial e Integral;
  • Métodos Matemáticos;
  • Fenômenos de Transporte;
  • Elementos de Máquinas;
  • Gestão da Produção e Manutenção.

Embarque no futuro agora mesmo!

A Engenharia Mecânica e a tecnologia são ramos do conhecimento que não podem ser separados. Mais do que isso: existe uma grande demanda por profissionais que saibam lidar com os problemas de um mundo tecnológico.

Mas pra transformar esse sonho em realidade, é muito importante escolher a faculdade certa. Nesse cenário, a Pitágoras reúne experiência com inovação. Que tal construir um futuro de sucesso? É tão simples: inscreva-se no vestibular da Pitágoras!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.