engenharia mecânica o que é

Afinal, o que é Engenharia Mecânica na prática?

Escolher um curso de graduação não é tarefa fácil, né? Com tantas opções disponíveis, fica difícil optar pela profissão certa. Contudo, se você tem em mente que quer seguir carreira na Engenharia, saiba que vai encontrar um mercado de trabalho amplo e promissor.

Essa área é bastante diversa e conta com vários tipos, como Química, Civil, Ambiental, Elétrica etc. Se você está em busca de uma graduação com excelentes remunerações e um setor aquecido, já deve ter se perguntado o que é Engenharia Mecânica e como é o curso na prática. Esse engenheiro encontra vagas nos mais diversos segmentos, além de contar com boas áreas de atuação.

Ficou interessado? Quer saber quais são as principais vantagens da Engenharia Mecânica? Então, continue a leitura!

Como é o curso de Engenharia Mecânica na prática?

O curso de Engenharia Mecânica é do tipo Bacharelado e tem duração de 5 anos aqui na Pitágoras. O objetivo é preparar o futuro profissional para o desenvolvimento de projetos e prestação de serviços de consultoria em mecânica.

Com isso, o profissional é apto pra coordenar e manusear a utilização de equipamentos térmicos, mecânicos e hidráulicos. Além disso, a graduação fornece os conhecimentos necessários pra que você seja capaz de atuar no desenvolvimento de vários tipos de máquinas. Então, pode trabalhar em projetos em muitos segmentos, desde a indústria de base até a de brinquedos, roupas e alimentos.

Se você se interessa em estudar sobre manutenção e elaboração de máquinas industriais, provavelmente já ficou em dúvida entre Engenharia Mecânica e Engenharia Mecatrônica, certo? A primeira tem como foco a compreensão de sistemas e objetos mecânicos, já a segunda é destinada ao entendimento de equipamentos e sistemas que dominam determinados processos.

Quais são as matérias estudadas?

Se você tem dúvidas sobre como funciona a Engenharia Mecânica, saiba que durante a faculdade, o aluno da Pitágoras entra em contato com matérias básicas que envolvem Química, Cálculo Lógica de Programação e Desenho Técnico.

No pilar de formação do engenheiro, entram em cena as disciplinas um pouco mais aprofundadas, que envolvem Termodinâmica, Resistência e Construção Mecânica. Com o foco no preparo para o futuro, existem várias matérias voltadas pra aplicação prática. Algumas das principais da grade curricular de Engenharia Mecânica são:

  • Legislação, Segurança do Trabalho e Meio Ambiente;
  • Materiais de Construção Mecânica;
  • Fenômenos de Transporte;
  • Mecânica Geral Aplicada;
  • Fundamentos de Eletrotécnica;
  • Máquinas de Fluxo;
  • Elementos de Máquinas;
  • Gestão da Produção e Manutenção.

Quais são as competências adquiridas ao longo do curso?

Enquanto estiver na faculdade de Engenharia Mecânica, precisa se dedicar ao máximo pra entender a teoria desse curso e aproveitar momentos de vivência prática, como os estágios. Mas também é muito importante adquirir as competências que fazem diferença nesse campo de atuação.

Lembre-se de que, ao final do curso, todos os graduandos receberão um diploma, e o que diferencia uns dos outros é a competência profissional cultivada durante a formação. Isso porque ela será exigida no mercado de trabalho e, quanto mais aprimorada, maior a chance de sucesso na carreira.

Assim, as principais competências que você deve adquirir ao longo da graduação são:

  • gosto por tecnologia;
  • curiosidade;
  • visão espacial;
  • criatividade;
  • raciocínio lógico.

Como é a atuação em Engenharia Mecânica e as principais responsabilidades do profissional?

Chegou até aqui e está se perguntando se Engenharia Mecânica vale a pena? Esse tipo de engenheiro é fundamental em projetos de dispositivos e máquinas mecânicas. Ele pode ser comparado a um clínico geral na categoria de profissões de Engenharia.

Isso acontece porque essa carreira exige habilidades que abrangem uma vasta gama de problemas econômicos, ambientais, sociais e técnicos. Entretanto, no geral, os engenheiros mecânicos estão preocupados em controlar os princípios de força, energia e movimento por meio de soluções mecânicas.

Os profissionais projetam os processos e ferramentas usadas pra satisfazer as necessidades das pessoas por meio de uma combinação de recursos econômicos, humanos e materiais.

Eles podem trabalhar em turbinas a gás e a vapor, motores de combustão interna, geradores elétricos e outros equipamentos que geram energia. Também desenvolvem máquinas como ar-condicionado, refrigeração e ferramentas elétricas.

Atualmente, os engenheiros mecânicos são profissionais fundamentais porque a tecnologia não para de evoluir. Logo, é necessário que novos sistemas mecânicos sejam desenvolvidos pra atender a demanda de produtos inovadores que surgem a cada dia.

É esse profissional que permite todos esses potenciais técnicos e produtivos por meio das atualizações que ele promove naquilo que já existe. Ele se apropria da tecnologia disponível e a aplica de modo prático para o uso do ser humano.

Como é o mercado de trabalho na área?

O mercado de trabalho para os engenheiros mecânicos está em alta. As indústrias aeronáuticas e automobilísticas oferecem boas oportunidades pra esse setor. Outro campo que merece destaque é o da energia, principalmente em relação à exploração de petróleo.

A área de biociência também é uma boa opção para o profissional. Aqui, os engenheiros mecânicos ajudam clínicas e hospitais em processos de reabilitação, ergonomia, biomecânica, entre outros. Por fim, também é possível trabalhar prestando consultoria e assessoria em vários projetos industriais.

Após a formação, você encontrará várias áreas de atuação pra atuar, podendo escolher aquela que mais encaixa em seu perfil. As principais são:

  • pesquisa e desenvolvimento;
  • máquinas e equipamentos;
  • vendas técnicas;
  • projetos;
  • manutenção.

Em relação ao salário de Engenharia Mecânica, quem optar por essa graduação encontrará uma remuneração de encher os olhos: a média salarial é de R$ 8.279,75* pra uma jornada de trabalho de 42 horas semanais — excelente, né?

Pra se dar bem no mercado de trabalho e atuar na prática como engenheiro mecânico, é fundamental se especializar e escolher uma faculdade de qualidade. Aqui na Pitágoras, você vai adquirir um conhecimento teórico essencial pra sua formação, aprimorando habilidades importantes pra ser um profissional mais competente.

Além disso, é possível encontrar formas de ingresso facilitadas e programas de descontos e bolsas. Outra razão pra você escolher a Pitágoras é que aprenderá tudo sobre Engenharia Mecânica com um corpo docente especialista nesse assunto.

Isso porque a nossa preocupação é proporcionar professores com um conhecimento aliado ao mercado atual e que sejam atuantes e influentes pra contribuírem com a formação completa dos alunos.

Agarre essa oportunidade!

Agora que você já sabe o que é Engenharia Mecânica, não esqueça que esse curso é muito prestigiado e conta com boas oportunidades no mercado de trabalho. Pra isso, considere a sua formação acadêmica e continue sempre se especializando pra ser um destaque na área.

Gostou do post e quer estudar Engenharia Mecânica em uma instituição de ensino renomada e reconhecida no mercado? Então, inscreva-se no vestibular Pitágoras!

*Sujeito a alterações

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.