Conheça as principais matérias da grade curricular de Engenharia de Software!

profissionais de tecnologia da informação

Teste vocacional rápido

A graduação em Engenharia de Software tem uma grade curricular bem diversa. Isso porque ela é estruturada para ensinar aos estudantes todas as habilidades necessárias para que eles possam enfrentar qualquer desafio após ingressarem no mercado de trabalho. 

A seguir, nós mostramos para você a matriz curricular desse curso na Pitágoras, dividido por semestres, e ainda falamos um pouco sobre as principais disciplinas encontradas nela. Confira!

Conheça a grade curricular de Engenharia de Software por semestre na Pitágoras!

1º Semestre:

  • Algoritmos e programação estruturada (80 horas);
  • Empreendedorismo e inovação (80 horas);
  • Arquitetura e organização de computadores (80 horas); 
  • Engenharia, ciência e tecnologia (80 horas); 
  • Fundamentos de cálculo aplicado (80 horas); 
  • Lógica computacional (80 horas). 

2º Semestre: 

  • Análise e modelagem de sistemas (80 horas); 
  • Direito cibernético (80 horas); 
  • Sistemas operacionais (80 horas); 
  • Engenharia de software (80 horas); 
  • Linguagem de programação (80 horas); 
  • Sociedade brasileira e cidadania (80 horas). 

3º Semestre: 

  • Análise orientada a objetos (80 horas); 
  • Engenharia de requisitos (80 horas); 
  • Modelagem de dados (80 horas); 
  • Redes e sistemas distribuídos (80 horas); 
  • Métodos matemáticos (80 horas); 
  • Sistemas de computação e de informação (80 horas). 

4º Semestre: 

  • Computação em nuvem (80 horas); 
  • Governança de tecnologia da informação (80 horas);
  • Interface e usabilidade (80 horas); 
  • Linguagem orientada a objetos (80 horas); 
  • Programação e desenvolvimento de banco de dados (80 horas); 
  • Técnicas de inteligência artificial (80 horas). 

5º Semestre: 

  • Arquitetura de software (80 horas); 
  • Projeto de software (80 horas); 
  • Bancos de dados não relacionais (80 horas); 
  • Programação web (80 horas); 
  • Segurança e auditoria de sistemas (80 horas). 

6º Semestre: 

  • Frameworks para desenvolvimento de software (80 horas); 
  • Infraestrutura ágil (80 horas); 
  • Gerenciamento e qualidade de software (80 horas); 
  • Implementação de projeto web (80 horas). 

7º Semestre: 

  • Desenvolvimento de sistemas e-commerce (80 horas); 
  • Segurança em engenharia de software (80 horas); 
  • Desenvolvimento mobile (80 horas);
  • Testes e manutenção de software (80 horas). 

Aprenda mais sobre algumas disciplinas da matriz curricular de Engenharia de Software! 

Deu para perceber que a grade curricular do curso de Engenharia de Software é bem extensa, não é mesmo? Para te ajudar a entender um pouco mais sobre ela, explicamos a seguir o que é visto em algumas disciplinas. 

Arquitetura de software 

Essa disciplina é vista próximo ao final da graduação, mas é de extrema importância. Ela é focada em ensinar as bases de como criar um software, desde a sua fase de projetagem até a entrega ao cliente, utilizando os métodos mais recentes e avaliando o que funcionou em modelos de referência. 

Engenharia de software 

A matéria de engenharia de software é uma das que formam a base dessa graduação. Nela, o estudante vê conceitos da história e premissas dessa profissão, fora os métodos e modelos de processo necessários para o desenvolvimento de qualquer software. 

Presencial, 100% EAD ou semipresencial: em qual vou me adaptar melhor?

Testes e manutenção de software 

Um engenheiro de software deve ser capaz de realizar testes, para saber se o software está pronto para ser entregue ao usuário final, e a manutenção deles, para consertar qualquer problema que surgir. Por isso, existe uma disciplina focada inteiramente em ensinar o aluno a fazer isso, para garantir a total segurança dos programas que criarão no futuro. 

Arquitetura e organização de computadores 

Uma das principais disciplinas dessa graduação é a arquitetura de software. É nela que o estudante aprende qual é a relação entre linguagem dos computadores e hardware, entre muitos outros conceitos. O objetivo dela é ensiná-lo a analisar e descobrir soluções para possíveis defeitos. 

Quer fazer Faculdade de Engenharia de Software? A Pitágoras te ajuda!

A Pitágoras é uma das principais referências quando falamos em ensino de nível superior no Brasil. Por isso, fazer o curso de Engenharia de Software nela é a maneira certa de garantir uma carreira de sucesso após formado. 

A instituição conta com várias unidades ao redor do país, um curso EAD aprovado pelo MEC, com uma infraestrutura completa e que utiliza tecnologia de ponta e professores altamente qualificados. 

Você pode ter acesso a tudo isso pagando mensalidades acessíveis e com total flexibilidade de horários. Logo, não perca mais tempo, faça hoje mesmo sua inscrição para o vestibular e venha construir seu futuro na Pitágoras!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Prouni, FIES, crédito estudantil ou bolsa privada: qual a melhor opção para mim?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.