Engenharia de Produção ou Elétrica: como escolher entre elas?

Engenharia de Produção ou Elétrica

Teste Vocacional Rápido

Você se dá bem em Física e Matemática, gosta dos números e quer fazer uma graduação valorizada e que possibilite boas remunerações? Então, saiba que os cursos de Engenharia de Produção ou Elétrica são excelentes opções! As duas faculdades estão em alta e oferecem um mercado de trabalho promissor, com ótimos cargos.

Apesar de apresentarem matérias em comum, o dia a dia dos profissionais é bem diferente, sabia? Por isso, é importante conhecer as suas características pra fazer a escolha que mais tem a ver com a sua personalidade!

Pensando nisso, preparamos este post pra tirar as suas dúvidas sobre os dois cursos — além de dar uma mãozinha pra você optar pela melhor alternativa. Confira!

Como é o curso de Engenharia Elétrica?

Afinal, o que é Engenharia Elétrica? Esse Bacharelado contempla desafios e oportunidades característicos das Ciências Exatas. Toda a base necessária para você se tornar um engenheiro eletricista está inserida em 5 anos, ou seja, 10 semestres.

Durante o curso, o aluno aprende sobre como funciona o sistema de distribuição e geração de energia elétrica, se capacitando pra atuar em diferentes projetos de energia, desde o planejamento até o acompanhamento. Pra isso, no começo da faculdade de Engenharia Elétrica, você entrará em contato com fundamentos importantes relacionados à Engenharia sustentável, prática muito em alta.

Também é no início da graduação que o estudante é estimulado a elaborar e refletir seu plano de carreira. Depois, são estudadas várias disciplinas em uma sequência clara, com o objetivo de que o desenvolvimento da formação ocorra de modo gradativo. Algumas das principais matérias da grade curricular de Engenharia Elétrica são:

  • Cálculo Diferencial e Integral;
  • Eletrônica Analógica;
  • Princípios da Eletricidade e Magnetismo;
  • Circuitos Elétricos;
  • Fenômenos de Transporte;
  • Modelagem e Controle de Sistemas.

Se você tem organização, sabe trabalhar de forma metódica, é resiliente, tem facilidade pra se comunicar com as pessoas e gosta de fórmulas e Matemática, saiba que esse curso é ideal para o seu perfil!

Na Pitágoras, você poderá cursar Engenharia Elétrica nas modalidades de ensino presencial e semipresencial, tendo toda a flexibilidade que essas opções oferecem. As mensalidades são a partir de 399,90*. Ótimo, não é mesmo?

Como é o curso de Engenharia de Produção?

Quem sonha em atuar na indústria, já deve ter se perguntado o que é Engenharia de Produção, certo? Esse Bacharelado dura 5 anos e objetivo é formar profissionais aptos a fazer planejamentos de maneira a obter o aumento da produtividade e a redução de custos.

Eles também devem dominar técnicas de projetos, pessoas e da área financeira, podendo atuar em vários campos pra fazer um negócio expandir. Assim, os estudantes aprendem diversos conceitos de economia e de Ciências Exatas. No início da graduação, você estudará matérias mais teóricas e gerais e, com o avanço dos semestres, entra em contato com temas mais específicos.

As principais disciplinas da grade curricular de Engenharia de Produção são:

  • Engenharia Econômica;
  • Metrologia e Controle Geométrico;
  • Gerenciamento e Controle de Qualidade;
  • Logística Empresarial;
  • Gestão de Projetos.

Aqui na Pitágoras, você pode estudar Engenharia de Produção nas modalidades de ensino presencial e semipresencial, pagando a partir de 399,90*.

Pra se dar bem nessa faculdade, é necessário desenvolver algumas habilidades durante o curso. Logo, ter um bom raciocínio lógico, saber trabalhar em equipe, ter criatividade e boas noções de Economia e Finanças pode fazer com que você saia na frente rumo ao sucesso!

O que faz um Engenheiro de Produção?

A atuação do engenheiro de produção é bastante versátil. Isso acontece por conta da reformulação do mercado de trabalho, que ocorre em ritmo acelerado, portanto, o profissional deve se adaptar aos novos cenários que se mostram favoráveis.

O engenheiro de produção adquire toda a competência necessária durante a graduação pra realizar um planejamento sobre as necessidades das empresas e, desse modo, exerce um papel essencial ao subsidiar a tomada de decisão. Algumas das áreas da Engenharia de Produção que ele pode atuar são a Logística, o Desenvolvimento de Produtos, o Planejamento Empresarial e a Gestão de Corporações.

Além disso, o profissional deve estar preparado, já que nos próximos anos a tendência é a inclusão cada vez maior da tecnologia. Afinal, inovações como realidade aumentada, cibersegurança, robôs, Big Data e computação em nuvem estão invadindo o dia a dia das indústrias.

O salário do profissional de Engenharia de Produção é atrativo, com uma média de R$ 7.692,72* pra uma jornada de trabalho de 43 horas semanais.

E o Engenheiro Eletricista?

Conhecer os princípios e aplicações da Engenharia Elétrica, além do dia a dia de trabalho do profissional é importante pra quem deseja seguir na área. Os engenheiros eletricistas podem atuar em vários segmentos do mercado e ocupar diferentes cargos, inclusive de liderança.

Essa é uma das Engenharias mais promissoras para o futuro e a perspectiva de trabalho para os próximos anos são animadoras. Isso porque há uma tendência de crescimento do campo de energia em todo o Brasil, portanto, a necessidade de bons profissionais aumentará ainda mais.

Além disso, o avanço no uso de novas tecnologias relacionadas à telecomunicação, bem como a necessidade de melhorar a internet faz com que os engenheiros encontrem uma área promissora. Após a formação, é possível trabalhar em indústrias e usinas, em empresas de arquitetura e construção civil ou em projetos próprios.

Por ter um campo tão vasto, os salários costumam ser muito atrativos: a média é de R$ 7.896,70* pra uma jornada de trabalho de 41 horas semanais.

Qual profissão compensa mais?

Como deu pra perceber, as duas profissões estão em alta e contam com excelentes remunerações, além de disciplinas em comum como Cálculo Diferencial e Integral, Química e Ciência dos Materiais e Algoritmos e Lógica de Programação. Pra fazer a melhor escolha, leve em conta as suas aptidões e habilidades pessoais e pesquise bastante sobre os cursos.

Depois, basta optar pela faculdade que quer estudar. Lembre-se que ter uma instituição de ensino de qualidade no currículo é fundamental pra alcançar as melhores oportunidades. Na Pitágoras, você encontrará um corpo docente de excelência, além de infraestrutura completa.

Temos laboratórios de ponta e com todos os equipamentos necessários pra realização das aulas práticas, além de bibliotecas virtuais e presenciais pra complementar os seus estudos. Ao fazer a inscrição no vestibular, é possível optar entre várias formas de ingresso, o que aumenta a sua chance de conquistar uma vaga no curso dos sonhos!

Faça a escolha certa!

Se você tinha dúvidas entre Engenharia de Produção ou Elétrica, já percebeu que os dois cursos formam profissionais requisitados no mercado. Estude em uma faculdade conceituada e com corpo docente especialista para dar o primeiro passo em uma carreira de sucesso!

Gostou de saber mais sobre os cursos e quer complementar sua leitura? Então, conheça as possíveis atuações do profissional de Engenharia Elétrica!

*Sujeito a alterações.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Skip to content