Entenda como é mercado de trabalho na Engenharia de Produção

engenharia de produção mercado de trabalho

O mercado de trabalho na Engenharia de Produção é muito vasto e possibilita aos profissionais ocuparem cargos de peso nas organizações, principalmente no segmento industrial. Porém, esse ramo vai bem além das fábricas.

Nesse contexto, se você está em dúvidas sobre em qual curso se inscrever no vestibular, vale a pena dar uma olhada nessa carreira. Pra começo de conversa, esse profissional administra recursos humanos, insumos e até as finanças. Por isso, é uma excelente chance de crescer profissionalmente!

O engenheiro de Produção é contratado pra ampliar a produtividade e reduzir os custos das operações. Além disso, há alguns anos, a Engenharia de Produção no mercado brasileiro tem sido requisitada por outras áreas: telecomunicações, companhias aéreas, setor energético e outros.

Quer saber se a Engenharia de Produção é uma boa escolha? Então, leia este post pra descobrir como é esse mercado e como funciona o curso de Engenharia de Produção!

Descubra o panorama atual da carreira

Entre as mais variadas vertentes da Engenharia, a de Produção é a que conta com o maior número de possibilidades de atuação. Aliás, agora com a crise econômica da Covid-19, ela vem apresentando um crescimento ainda maior.

Afinal, as empresas precisam de pessoas que consigam usar o raciocínio lógico e numérico e, ao mesmo tempo, tenham habilidades mais subjetivas. Por exemplo: o engenheiro de produção calcula e projeta, mas também faz a gestão estratégica de pessoas. Sua especialidade é progredir com redução de custos.

Nesse contexto, o mercado de trabalho na Engenharia de Produção demonstra um aquecimento alto. Ou seja, os alunos desse curso conseguem vagas em quase todo tipo de empresa.

Por essa razão, para quem está em busca do sucesso profissional, essa escolha cai mesmo como uma luva. Se liga nas áreas em que é possível trabalhar:

  • setor público;
  • mercado financeiro;
  • indústrias;
  • serviços;
  • comércio;
  • agronegócio;
  • distribuição energética.

Veja as áreas do mercado de trabalho na Engenharia de Produção

Mesmo no comecinho da carreira, o salário de engenheiro de Produção já é bem interessante: ultrapassa os R$ 5 mil*. Já entre os profissionais veteranos, a média salarial sobe pra incríveis R$ 13 mil. Uma remuneração de fazer nosso coração até bater mais forte, né?

Mas o que faz um engenheiro de Produção? Embora o pagamento seja bom, não adianta cursar uma área que você não goste ou não tenha habilidades. Mas não se preocupe: este post é justamente pra te ajudar a compreender os detalhes dessa carreira.

Bom, um aspecto da Engenharia de Produção que a diferencia das demais é que ela mexe com Humanas e Exatas. Assim, os profissionais são habilitados a fazer cálculos complexos, mas também sabem atuar em ramos mais subjetivos e humanísticos, como as relações de trabalho e os recursos humanos.

Dentro da Engenharia de Produção, existem subdivisões. Ou seja, depois de decidir efetuar a matricula, ainda será preciso fazer novas escolhas. Veja a seguir uma lista com as principais vertentes da Engenharia de Produção.

Logística

A área de Logística necessita muito do engenheiro de Produção pra organizar processos e operações. Em outras palavras, o profissional geralmente lida com transportes, estoque de produtos, compras de insumos e demais atividades de controle.

Pesquisa Operacional

Também é um nicho bem vantajoso da Engenharia de Produção a chamada Pesquisa Operacional. Em palavras simples, essa metodologia converte situações problemáticas do dia a dia em números.

Desse modo, é viável mensurar gargalos e desperdícios. O engenheiro de Produção também exerce um papel relevante na previsão de riscos.

Ou seja, ele pode se antecipar à escassez de determinada matéria-prima, por exemplo. Também faz parte de suas funções monitorar equipamentos, maquinários, fornecedores e mão de obra.

Engenharia Organizacional

Já na Engenharia Organizacional, o especialista vai ajudar na gestão estratégica de negócios. Assim, ele cria planos táticos gerais, faz avaliação de desempenho de pessoas e maquinários, bem como a supervisão dos mais diversos projetos. Nessa função, o engenheiro de produção também participa ou até mesmo lidera iniciativas de inovação e automação.

Engenharia do Trabalho

Também há vagas de Engenharia de Produção na área de Engenharia do Trabalho. Desse modo, o estudante que escolher esse caminho precisa garantir a saúde e a integridade física dos colaboradores.

Por esse motivo, ele tem como responsabilidade resolver as questões de ergonomia, iluminação, ventilação, segurança na operação de máquinas e equipamentos etc. Além disso, ele pode agir na elaboração de treinamentos pra prevenir acidentes como quedas, incêndios e amputações.

Engenharia Econômica

Mais uma chance na carreira de Engenharia de Produção é a administração dos recursos financeiros de uma indústria ou prestadora de serviços. Em outras palavras, esse trabalho inclui análise de custos, desenvolvimento de programas pra reduzir despesas, distribuição inteligente do capital disponível, entre outras atividades semelhantes.

Engenharia de Produto

Na Engenharia de Produto, o profissional participa de lançamentos, isto é, da colocação de novidades no mercado. Nessa função, o engenheiro dá suporte desde a criação do produto em si até a viabilização dos sistemas e operações necessários pra que ele seja concebido.

Em algumas situações, ele também colabora com o aperfeiçoamento de artigos e itens que já estão sendo comercializados.

Engenharia de Sustentabilidade

Os governos de países poderosos estão mais exigentes e preocupados com a degradação ambiental. Por esse motivo, muitas agências reguladoras impõem medidas importantes pra amenizar os danos industriais à natureza.

Nesse cenário, o engenheiro de Produção é chamado pra contribuir com o cumprimento da responsabilidade ecológica das companhias. Isso inclui uso racional da água, da energia elétrica, de papel, entre outros recursos.

Também existem empresas de Engenharia de Produção focadas nesse nicho que prestam serviços a outras organizações. Ou seja, o especialista pode atuar nesses projetos de causas verdes como terceirizado.

Pesquise uma faculdade de Engenharia de Produção respeitada

Pra colher todos os benefícios dessa carreira, é importante procurar uma faculdade que forneça essa complexa formação de modo completo. Assim, você sai da graduação capacitado pra projetar, liderar e aprimorar a eficiência dos sistemas produtivos.

Nesse sentido, o curso de Engenharia de Produção da Pitágoras proporciona uma grade curricular plena, distribuída em 5 anos de estudos (10 semestres). Contamos com disciplinas gerais para fornecer uma boa base e também específicas, pra que o candidato a engenheiro possa chegar ao mercado com diferenciais sólidos.

Veja exemplos de algumas matérias de nossa grade curricular:

  • Comportamento organizacional;
  • Algoritmos e Lógica de Programação;
  • Controle e automação de processos industriais;
  • Controle estatístico da qualidade;
  • Fenômenos de transporte;
  • Ergonomia;
  • Gerenciamento da cadeia de suprimentos;
  • Gestão da Manutenção;
  • Processos estocásticos e muito mais.

Além disso, aqui na Pitágoras, você tem ainda acesso ao Canal Conecta, um portal exclusivo de empregos pra nossos alunos. Ou seja, fazemos a sua ponte com os melhores empregadores, e não somente contribuímos pra sua formação.

Com o Canal Conecta, você terá mais chances de encontrar vagas de Engenharia de Produção bem-remuneradas e com possibilidade de crescimento nas empresas.

Agora é com você!

O mercado de trabalho na Engenharia de Produção está em alta e com uma tendência de crescer ainda mais nos próximos anos. Assim, essa carreira pode ser a chance de tirar muitos de seus sonhos do papel.

Que tal começar seu futuro agora mesmo? Então inscreva-se no vestibular!

*Sujeito a alteração

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Skip to content