Enfermagem ou Radiologia: qual é o melhor curso para mim?

estudantes conferindo as diferenças entre enfermagem ou radiologia

Na área da Saúde, são cerca de 40 cursos, entre as modalidades de Bacharelado, Tecnólogo e Licenciatura regulamentados e aprovados pelo Ministério da Educação para oferecerem vagas no Brasil. Devido a tantas opções, é natural você ficar bem em dúvida ao escolher qual será o seu curso de graduação.

Nesse contexto, a melhor forma de decidir por qual optar é se informar. Aqui na Pitágoras, Enfermagem e Radiologia são dois cursos muito procurados e promissores. Afinal, são bastante requisitados no ambiente hospitalar e de saúde em geral. No entanto, existem diferenças fundamentais entre as duas profissões.

E então, Enfermagem ou Radiologia qual é melhor para você? Veja as particularidades de cada curso de graduação, como as matérias, a área de atuação e outras informações importantes que devem ser levadas em consideração na hora da escolha. Confira!

Enfermagem

A graduação em Enfermagem aqui da Pitágoras é do tipo Bacharelado. O curso de Bacharelado é a formação mais completa que o enfermeiro poderá ter, uma vez que será preparado para as várias áreas do mercado de trabalho. A duração é de cinco anos, e é possível escolher entre a modalidade presencial e a distância, do tipo semipresencial.

As matérias do curso de Enfermagem ajudarão o aluno a tratar os pacientes de forma humanizada e ética. Nos primeiros anos, são cursadas disciplinas teóricas e bastante comuns ao curso de Medicina, como Anatomia, Fisiologia, Histologia e Imunologia.

Após a formação básica, o estudante passará a ter aulas práticas nos laboratórios e começará a ter contato real com as atividades da profissão e os pacientes. Durante a graduação, é possível fazer estágios extracurriculares, inclusive estágio no setor público, aprimorando os conhecimentos adquiridos na graduação.

A grade curricular e o nome das disciplinas variam entre as faculdades. De modo geral, quanto às disciplinas, pode-se citar:

  • Citologia e Embriologia Humana;
  • Anatomia Humana;
  • Bioestatística;
  • Microbiologia;
  • Parasitologia;
  • Bioquímica e Biofísica;
  • Farmacologia;
  • Fisiologia Humana;
  • Genética Humana;
  • Psicologia e tratamento humanizado do paciente;
  • Centro de Material e Esterilização;
  • Ciências Sociais Aplicadas à Saúde;
  • Administração e Gestão Aplicada à Enfermagem;
  • Assistência de Enfermagem ao Paciente Grave/Crítico;
  • Processos Patológicos Gerais;
  • Semiologia Básica em Enfermagem;
  • Bases Conceituais do Cuidar;
  • Doenças transmissíveis;
  • Ginecologia e Obstetrícia;
  • Primeiros Socorros;
  • Procedimentos Básicos (acessos, curativos e outros);
  • Reabilitação Física;
  • Saúde Coletiva da Criança e do Adolescente;
  • Saúde Coletiva na Saúde da Mulher;
  • Saúde Coletiva do Adulto e do Idoso;
  • Atuação no Centro Cirúrgico;
  • Psiquiatria Básica;
  • Gestão de Enfermagem em Serviços de Saúde.

Atuação do enfermeiro

O profissional formado em Enfermagem é a peça fundamental de qualquer equipe de saúde. Afinal, é ele quem faz a comunicação entre as equipes multidisciplinares, como os nutricionistas, médicos, psicólogos, técnicos em enfermagem e administradores, entre outros.

A rotina do enfermeiro tem como responsabilidade acompanhar e cuidar de pacientes, prestando assistência médica e cuidados de higiene, realizar procedimentos e garantir a aplicação correta de medicações, por exemplo.

Atualmente, é possível atuar em várias áreas, como na assistência domiciliar, equipes de resgate (como em ambulâncias do SAMU), enfermagem do trabalho, pesquisa clínica, hospitais e clínicas.

De acordo com o site Salário, a média de remuneração de um enfermeiro é de R$ 3.440,04, podendo chegar aos R$ R$ 7.317,69.

Radiologia

O curso de Radiologia da Pitágoras é oferecido na modalidade Tecnólogo, com duração de dois anos. Pessoas que se formam nessa modalidade terão diploma de ensino superior e, por isso, mais portas abertas no mercado de trabalho, pois conseguem ocupar cargos não operacionais.

Entre as matérias estudadas, pode-se citar:

  • Introdução ao Diagnóstico por Imagem;
  • Ética no Diagnóstico por Imagem;
  • Fisiologia Humana;
  • Patologia Geral;
  • Biossegurança;
  • Radiobiologia e Radioproteção;
  • Emprego Pacífico das Radiações Ionizantes;
  • Gestão Empresarial;
  • Anatomia Radiológica em Tomografia Computadorizada e Ressonância Magnética;
  • Anatomia Funcional em Medicina Nuclear;
  • Meios de Contraste e Radiofármacos;
  • Tecnologia Radiológica;
  • Tecnologia em Radiologia Pediátrica;
  • Tecnologia em Densitometria Óssea;
  • Tecnologia em Tomografia Computadorizada;
  • Tecnologia pet/ct;
  • Tecnologia em Mamografia;
  • Tecnologia em Radioterapia;
  • Tecnologia em Medicina Nuclear;
  • Tecnologia em Ressonância Magnética;
  • Aplicações Industriais;
  • Pesquisa Clínica.

O estudo dessas matérias permite que o profissional consiga preparar e operar equipamentos de diagnóstico por imagem. Esse tipo de tecnologia é fundamental para o cuidado e o diagnóstico na Medicina, assim como para o acompanhamento de doenças, uma vez que permitem a visualização interna de todos os órgãos e tecidos.

Atuação do radiologista

Entre outras atribuições do profissional de Radiologia, pode-se citar:

  • orientações ao paciente para que a posição adequada seja mantida durante os exames;
  • aplicação e fiscalização das medidas que garantam proteção contra a radiação;
  • avaliação e manipulação (como controle da saturação) das imagens obtidas;
  • preparação do ambiente para a realização do exame (preparo de soluções químicas);
  • utilização de contrastes radiológicos em exames contrastados;
  • monitoração e gerenciamento dos rejeitos radiológicos;
  • supervisão das aplicações da radiografia;
  • coordenação de equipes em centros de diagnóstico por imagem;
  • desenvolvimento e gerenciamento de programas de controle de qualidade em radioproteção;
  • realização de testes de controle de qualidade;
  • emissão de parecer técnico;
  • manutenção de equipamentos radiológicos;
  • entre outros.

O radiologista pode atuar em hospitais, clínicas (médicas e odontológicas), indústrias, laboratórios, centros e institutos de pesquisa, assim como em outros locais que realizem exames de imagem.

Além disso, existe a opção de trabalhar na Construção Civil. Nesse caso, o objetivo da atuação do radiologista é mapear lugares que o olho humano não consegue enxergar, como encanamentos dentro de paredes e lajes.

Com relação à remuneração, a média salarial de um radiologista no Brasil é de R$ 6.437,21.

E então, nosso post conseguiu responder à sua questão de qual graduação é a melhor, Enfermagem ou Radiologia? Na realidade, ambas as profissões são muito interessantes e promissoras, mas têm áreas de atuação completamente diferentes. Na Enfermagem, o foco é o cuidado com o paciente, enquanto, na Radiologia, o profissional terá maior ênfase na operação de máquinas.

Para decidir com maior certeza, a dica é traçar o seu perfil de trabalho, suas preferências e suas melhores habilidades. Além disso, não se esqueça de pesquisar sobre as melhores graduações do mercado, a fim de garantir uma excelente formação. Aqui na Pitágoras, oferecemos o curso de Enfermagem e de Radiologia. Entre em contato conosco e conheça ambos!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.4 / 5. Número de votos: 15

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

pep

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.