Saiba tudo sobre o Curso de Cibersegurança!

Teste vocacional rápido

O curso de Cibersegurança é perfeito para quem se interessa por tecnologia e busca construir uma carreira em um mercado altamente promissor e que cresce rapidamente nos dias atuais no mundo inteiro. 

Porém, antes de ingressar nessa faculdade, é bom saber algumas informações importantes e nós estamos aqui para te ajudar. Neste artigo, separamos tudo o que você precisa saber antes de ingressar no tecnólogo de Cibersegurança, tanto sobre a graduação quanto sobre o mercado de trabalho. 

Confira!

Como é o curso de Cibersegurança?

A graduação em Cibersegurança é de nível tecnólogo. Também conhecida como Curso Superior de Tecnologia (CST), essa faculdade tem uma duração menor que a de uma de nível de bacharelado, por exemplo. 

No caso de Cibersegurança, a duração é de dois anos e meio, o equivalente a cinco semestres. Isso pode parecer pouco, mas é tempo mais do que suficiente para que os alunos absorvam todo o conhecimento necessário para atuar no mercado de trabalho após formados. 

Fazer essa faculdade é uma excelente maneira de garantir uma carreira de sucesso e em uma área que cresce rapidamente em todo o mundo. 

Ele exige horas complementares ou entrega de TCC?

O curso superior de Cibersegurança, assim como a maioria dos outros de nível superior, conta com horas complementares. Essas são atividades que precisam ser feitas e entregues durante o tempo de duração dele. 

Ele, no entanto, não tem exigência de TCC, ou Trabalho de Conclusão de Curso, para que o aluno possa se formar e receber o diploma que o autoriza a trabalhar na área. 

Quais os conteúdos da grade curricular da Faculdade de Cibersegurança?

A grade curricular de Cibersegurança, mesmo tendo uma duração menor quando comparamos um curso de nível de bacharelado, é bastante completa. Como outros CSTs, as disciplinas são escolhidas de acordo com as demandas do mercado. Logo, o estudante tem acesso a questões mais práticas e voltadas para o exercício da profissão. 

Dito isso, algumas das disciplinas mais comuns dessa faculdade são:

  • administração de sistemas operacionais; 
  • algoritmos e programação estruturada; 
  • gerenciamento de redes; 
  • governança de segurança; 
  • linguagem de programação; 
  • programação para redes; 
  • perícia forense em segurança da informação e muitas outras. 

Como deu para ver pelos exemplos, essa é uma faculdade que lida bastante com disciplinas da área de exatas. Além do mais, toda a grade curricular é importante para a formação profissional, inclusive as optativas. Logo, não existe uma matéria mais importante que a outra. 

A Pitágoras oferece o Curso de Cibersgurança em quais modalidades?

A Pitágoras, como sempre, inova no campo da educação superior de Cibersegurança na modalidade 100% EAD. Veja a seguir como ele funciona na prática e descubra o que esperar dos seus anos como estudante!

EAD 

O curso superior de Cibersegurança na modalidade EAD, que é uma sigla para Educação à Distância, funciona de maneira 100% online. Ou seja, todos os conteúdos ficam disponíveis em uma sala de aula virtual, conhecida pelo nome de Ambiente de Aprendizagem Virtual, ou simplesmente AVA. 

Presencial, 100% EAD ou semipresencial: em qual vou me adaptar melhor?

Nessa plataforma, é possível encontrar videoaulas gravadas e que podem ser acessadas a qualquer hora, material didático, biblioteca virtual, indicações de leituras complementares dos assuntos e até mesmo tutores online para tirar dúvidas e fóruns para interagir com os colegas de curso. 

Nele, o estudante precisa ir presencialmente na unidade apenas no período de provas ou quando solicitado pela instituição com antecedência, tendo bastante tempo para organizar a rotina. 

Perfil do estudante de Cibersegurança 

O perfil de um estudante de Cibersegurança é de alguém que tem respeito e presta bastante atenção às regras. Além do mais, ele precisa ser capaz de pensar rápido e tomar decisões em meio a problemas. 

Todas essas aptidões são coisas que podem ser trabalhadas ao longo da graduação e necessárias para quem deseja se destacar na profissão. A seguir, nós separamos algumas outras características que os profissionais dessa área precisam ter.

Proativo

Um profissional de Cibersegurança precisa, em primeiro lugar, ser proativo. Isso significa que ele deve sempre se antecipar e buscar soluções para as situações diárias, sem precisar esperar por qualquer estímulo externo ou que a situação negativa se intensifique com o passar do tempo. 

Atento aos detalhes

Outra característica essencial é estar atento aos menores detalhes. Isso porque no mundo virtual, uma pequena diferença ou informação posta no local errado pode trazer enormes consequências no futuro. Por isso, o profissional de Cibersegurança precisa saber identificá-las para assim, conseguir resolvê-las da melhor forma possível. 

Gostar de resolver problemas

Por fim, ele deve gostar de resolver problemas, especialmente os de grande complexidade. Afinal, isso é algo que ele verá com constância na rotina de trabalho e, além de não poder se deixar desanimar, precisa estar preparado para pensar em soluções para esses problemas sempre que eles surgirem. 

Quais as funções de um profissional da área de Cibersegurança?

A rotina de um profissional de Cibersegurança é bem diversa. Isso porque ela varia de acordo com a área escolhida para atuar e a função que ele ocupa, seja na empresa ou como autônomo. 

Saber quais são as possibilidades para o futuro é importante antes mesmo de entrar na faculdade, pois permite conhecer sobre a situação do mercado de trabalho e ainda escolher com consciência em que especializar. 

Confira algumas das principais atribuições desse profissional:

  • proteger redes de computadores contra invasões; 
  • garantir a segurança e integridade dos dados armazenados em nuvem;
  • definir estratégias de ação em casos de incidentes que ameacem a segurança; 
  • educar o usuário para as boas práticas de uso; 
  • fazer a segurança de aplicação e ajustes nos códigos, quando necessário. 

É preciso destacar que o Brasil necessita de profissionais qualificados para ocupar cargos nessa área. Portanto, esse é um curso promissor e que promete alta empregabilidade e boas oportunidades para empreender, após formado. 

Encontrou a faculdade dos seus sonhos? Confira como a Pitágoras ajuda você a se formar!

E aí, depois de aprender tudo sobre o curso de Cibersegurança, você ficou ainda mais interessado nessa faculdade? Então aproveite as oportunidades que a Pitágoras oferece para que você consiga estudar em um local com qualidade reconhecida nacionalmente e sem passar sufoco, já que as mensalidades são acessíveis. 

Fora isso, a instituição entrega um curso completo, professores altamente qualificados e com flexibilidade de horários, por causa da modalidade EAD. Outra vantagem da Pitágoras é o apoio que ela oferece para que os estudantes consigam ingressar no mercado de trabalho. 

Então não perca tempo e faça agora mesmo a sua inscrição no vestibular e fique um passo mais próximo de conquistar a carreira dos seus sonhos!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Prouni, FIES, crédito estudantil ou bolsa privada: qual a melhor opção para mim?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.