Autocontrole: o que é e como desenvolver?

autocontrole

Borboletas no estômago, coração batendo mais rápido… em certas situações, é difícil evitar que sintomas como esses apareçam, não é? Uma delas, por exemplo, é a prova do vestibular.

Nesses momentos, é comum que a ansiedade tome conta do candidato — o que pode ser prejudicial para o seu rendimento caso ele não consiga manter o foco. O mesmo vale pra entrevistas de emprego e para o dia a dia no mercado de trabalho.

Por esse motivo, é importante trabalhar o autocontrole, gerenciando suas próprias emoções e utilizando-as a seu favor em vez de permitir que elas o dominem. Mas você sabe exatamente o que é? Como é possível desenvolvê-lo? Caso a resposta seja negativa, não se preocupe.

Neste post, falaremos tudo o que precisa saber sobre o assunto. Acompanhe!

O que é autocontrole emocional?

Existem situações, como as que citamos logo do começo, que nos fazem sentir sobrecarregados por nossas emoções. Quando isso acontece, é comum que nossas atitudes não acabem condizendo com o que faríamos normalmente. O autocontrole é a capacidade de dominar esses sentimentos e impulsos.

Trata-se de uma habilidade muito importante pra lidarmos com emoções negativas, como a ansiedade, o estresse e o nervosismo. O autocontrole te ajuda a ter inteligência emocional suficiente pra guiar essas emoções.

Como em muitas vezes elas não podem ser impedidas, uma vez que são espontâneas e automáticas em certas situações, a pessoa com autocontrole consegue lidar melhor com esses sentimentos, fazendo com que a resposta a eles seja a melhor possível.

Vamos ilustrar com um exemplo: na prova do vestibular, o candidato costuma sofrer com o nervosismo ao pensar, involuntariamente, se vai tirar uma nota suficiente pra ser aprovado. Aqueles que não têm autocontrole acabam respondendo de forma negativa a essa emoção, deixando-a interferir em sua capacidade de raciocinar.

Por outro lado, o candidato com autocontrole consegue internalizar a situação e controlar esse impulso que o impede de pensar claramente. Como? Você aprende mais adiante neste post!

Como ele pode me beneficiar?

Ter autocontrole é muito importante. As pessoas que contam com essa habilidade têm mais chances de serem bem-sucedidas em várias áreas da vida. Mas aquelas que apresentam dificuldade em controlar suas emoções têm dificuldades em alcançar seus objetivos.

Sendo assim, se você tem alguma meta — como conquistar o emprego dos sonhos e trilhar uma carreira de sucesso profissional —, é crucial ter essa competência.

Mas não é só nisso que o autocontrole é beneficial. Abaixo, listamos outras situações nas quais ele é vantajoso. Veja só:

  • ajuda a pessoa a tomar decisões mais acertadas;
  • faz com que ela lide melhor com instabilidades;
  • potencializa o foco no trabalho e nos estudos;
  • não deixa que a pressão interfira na realização de atividades;
  • trabalha e aprimora a inteligência emocional;
  • auxilia no domínio sobre as respostas e impulsos;
  • ajuda no desenvolvimento de habilidades interpessoais e no amadurecimento do ser humano.

Se você acha que não tem autocontrole, fique tranquilo e não se culpe. Saiba que é completamente possível desenvolver essa habilidade, mesmo que começando do zero.

Como ter autocontrole?

Chegou o momento que você tanto esperava. Agora, vamos aprender a desenvolver o autocontrole em alguns passos.

Aposte no autoconhecimento

É muito difícil controlar algo que não conhecemos exatamente. Por isso, o primeiro passo pra ter autocontrole é apostar no autoconhecimento. Entenda mais sobre você e suas emoções, veja como reage a determinadas situações, compreenda quais são os seus gatilhos emocionais.

Todos nós experienciamos sentimentos de forma única. Por isso, esse exercício de autoanálise é importante na busca pelo controle emocional.

Respeite os seus limites

Não respeitar os seus limites não é uma forma de desenvolver o autocontrole, pelo contrário! Reconheça quando você não está conseguindo lidar com suas emoções e impulsos e procure encontrar caminhos para evitar as reações indesejadas. Isso é bastante comum ao estudar em casa e ceder à pressão de se preparar sozinho para o Enem ou vestibular.

Encontre formas de aliviar o estresse

O estresse e o autocontrole são termos que caminham juntos. Afinal de contas, trata-se de uma das emoções mais complicadas de gerenciar, e o pior de tudo é que ela pode surgir nos mais diversos contextos. Em situações de pressão, por exemplo, é comum nos sentirmos esgotados e até mesmo perdidos. Por isso, não poderíamos deixar esta dica de fora da lista.

Existem algumas estratégias bem eficazes pra gerenciar o estresse, e aprendê-las é uma ótima maneira de começar a desenvolver o autocontrole. Abaixo, confira algumas sugestões:

  • adote o mindfulness — técnicas de meditação que têm como objetivo alcançar a atenção plena;
  • faça exercícios físicos — afinal, todos já sabem da importância de se exercitar pra saúde do corpo e da mente;
  • pratique exercícios de respiração — eles são bastante úteis não só pra relaxar e mudar o foco, como também servem pra aliviar crises de ansiedade e pânico.

Evite fazer as coisas no modo automático

Quando fazemos coisas no modo automático, não observamos como reagimos a determinadas situações. Nesses momentos, o inconsciente se torna um dos culpados por muitas de nossas reações indesejadas, pois entra em conflito direto com as decisões racionais.

Por mais que essa dica pareça simples, entendemos que ela é um pouco complicada de colocar em prática. Mas quando isso se torna um exercício diário, cria-se o hábito de trabalhar o autocontrole. Interessante, né?

Adote esta ideia!

Agora você já sabe como autocontrole. Trata-se de algo que te beneficia em todas as etapas da vida — inclusive, nos estudos e na carreira. Seguindo as dicas do post, você tem tudo pra conseguir dominar as suas emoções e utilizá-las em seu favor. Mas não espere mudanças imediatas, ok?

Por ser uma habilidade, o autocontrole não é algo que se desenvolve do dia para a noite. Sendo assim, é normal precisar de um tempo a mais pra se tornar uma pessoa com controle pessoal e, quem sabe, como evitar a ansiedade.

Por falar nesse sentimento, sabemos que ele é bastante frequente entre os estudantes, especialmente candidatos ao Enem e vestibular. Por isso, confira também nosso post sobre o que fazer em um momento de crise de ansiedade nos estudos.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content