Arquitetura e Urbanismo: Conheça tudo sobre essa área de atuação!

arquitetura ou design gráfico

Teste vocacional rápido

A área de arquitetura e urbanismo é perfeita para pessoas que gostam de lidar com projetos, desenhos e construções. É através dela, que cidades conseguem se desenvolver e crescer, tudo com um bom planejamento, trazendo benefícios para toda a população.

Sendo assim, contar com um arquiteto profissional é muito importante para a sociedade. Se você deseja conhecer mais sobre essa área, confira esse artigo completo e esclareça todas as suas dúvidas sobre esse tema.

Como é o curso de Arquitetura e Urbanismo?

Para se tornar um profissional da área, o aluno precisa fazer 4 anos de graduação no curso de Arquitetura e Urbanismo. É neste período, que o aluno é apresentado a todos os processos e rotinas que a área exige. Então, o curso capacita o aluno para:

  • desenhar;
  • criar;
  • e organizar espaços.

Esse período de curso vai preparar o aluno a trabalhar com técnicas e habilidades necessárias para trabalhar com planejamento urbano. Para isso, também é preciso entender questões de infraestrutura e trânsito, durabilidade, questões estéticas e muito mais. 

Então, diferente do que algumas pessoas possam imaginar, o curso de arquitetura vai muito mais além do que desenhar.

Como é a rotina do arquiteto?

A rotina de um arquiteto ou arquiteta pode variar muito, de acordo com as suas funções e da empresa. Por exemplo, existem aqueles profissionais que ficam mais focados nos desenhos das plantas, planejamento, cálculos e apresentações. Geralmente, esses profissionais ficam muito mais tempo no escritório.

Também tem a rotina dos profissionais que estão mais presentes no canteiro de obras. A presença se faz necessária para acompanhar o andamento da construção e se todas as diretrizes do projeto estão sendo respeitadas. Além disso, não se pode esquecer a rotina de fazer apresentações, reuniões com clientes e captação de novos negócios.

Em quais áreas o arquiteto pode trabalhar?

A arquitetura possibilita para os profissionais várias outras áreas para se trabalhar. Durante a graduação, o aluno é apresentado a essas áreas e pode se identificar com aquela que deseja trabalhar quando formado. Veja a seguir, alguns exemplos dessas áreas.

Interiores e móveis

O profissional que segue a área de interiores e móveis é muito próximo também do trabalho dos designers e decoradores. Mas aqui, o papel é cuidar de questões estruturais, revestimentos e instalação de sistemas.

Paisagismo

O paisagismo também é importante para o entorno de uma edificação. E os profissionais de arquitetura podem seguir com projetos para trabalhar na área verde em volta desses lugares. Além disso, também podem desenvolver projetos de áreas verdes por toda a cidade, como parques, por exemplo.

Urbanismo

O arquiteto que trabalha com urbanismo visa o planejamento das cidades. Então, a rotina é estudar áreas de loteamento, estudar melhores localizações para comércio e casas.

Estruturas

Não podemos deixar de mencionar a área de estruturas, ou seja, trabalho com projeto e execução de construções.

Especializações na área de Arquitetura e Urbanismo

Para que o profissional de arquitetura se destaque no mercado, após a graduação é interessante fazer uma especialização. Atualmente, o profissional pode buscar através da pós-graduação outras áreas que vão agregar  o conhecimento. Conheça algumas delas.

Presencial, 100% EAD ou semipresencial: em qual vou me adaptar melhor?

Cidades inteligentes

Como visto, o arquiteto também é responsável pelo planejamento das cidades. Só que com os anos, veio o conceito de cidades inteligentes. Ou seja, são lugares que usam vários tipos de sensores eletrônicos que coletam dados para gerenciar recursos e garantir uma melhor qualidade de vida.

Lighting Design

Essa área foca no desenvolvimento de projetos luminotécnicos. Nesta área, o profissional vai aliar a iluminação com o design de interiores em obras residenciais, comerciais e de indústrias.

Mercado de trabalho para o arquiteto

O mercado de trabalho para o arquiteto continua sendo muito interessante. Nos últimos anos apresentou uma pequena queda, mas agora voltou com força total. O crescimento é constante e as possibilidades de emprego continuam aparecendo.

Para uma cidade, as construções são muito importantes para que ocorra o desenvolvimento e crescimento da sociedade. Sendo assim, vale a pena investir nessa carreira e acompanhar as tendências que o mercado apresenta. Assim, as chances do seu trabalho se destacar são maiores.

Estima-se que nos próximos anos, o mercado continue mais interessante e passe por algumas mudanças. Já que agora, há uma preocupação maior com questões ambientais e o impacto que a expansão das cidades podem causar.

Quanto ganha um arquiteto

Quando se trata de questões salariais, é preciso analisar que podem haver mudanças. Seja por cargo ou até mesmo região onde a arquiteta ou arquiteto possa estar trabalhando. Além disso, também tem a variação de horas trabalhadas que podem afetar no salário, veja abaixo:

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos
  • Jornada de 7 horas: 7,25 salários mínimos
  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos

Essa é uma média salarial que um profissional da área pode conseguir receber. Mas também, pode ter alterações conforme o cargo ocupado, veja mais um exemplo:

  • Arquiteto: R$ 4.192
  • Arquiteto Vendedor: R$ 1.342
  • Arquiteto Urbanista: R$ 3.072
  • Arquiteto Coordenador: R$ 6.212
  • Arquiteto de Edificações: R$ 6.190

Confira as cidades com os melhores salários para arquiteto

O Brasil é um país que conta com ótimas oportunidades para quem deseja seguir essa carreira. Contudo, algumas cidades são destaques em relação a oportunidades de emprego. Como por exemplo a cidade de São Paulo, embora tenha um custo de vida alto, é nesta cidade que possui a maior demanda de ofertas de emprego.

A média salarial para quem trabalha em São Paulo é aproximadamente de R$7 mil reais. Veja abaixo a lista com as cidades que oferecem os melhores salários através de uma ordem progressiva:

  • Espírito Santo;
  • Minas Gerais;
  • Rio de Janeiro;
  • São Paulo

Como será o futuro da profissão?

O futuro dessa profissão é promissor e promete um maior foco em questões ambientais. Construções sustentáveis, designs inteligentes, captação de energia através de placas solares vão fazer parte da rotina desse profissional. Então, se preparar nesse sentido é extremamente importante.

Além disso, existem os desafios de projetar o crescimento das cidades, já que a população também está crescendo. Estima-se que serão construídos mais edifícios e apartamentos e casas residenciais começaram a diminuir. O importante é que o arquiteto pense em formas para garantir uma maior qualidade de vida para a sociedade.

Faculdade Pitágoras: referência de educação de ensino superior

Com a Faculdade Pitágoras você dá o pontapé inicial para o sucesso da sua carreira. Tenha a oportunidade de estudar matérias atualizadas, que vão te apresentar todos os conceitos e desenvolver as suas habilidades para se tornar um profissional desejado pelo mercado.

Presente em várias cidades do Brasil, você pode optar por realizar o seus estudos de forma presencial ou semipresencial. Para isso, basta consultar a disponibilidade de modalidades de cada unidade. Faça diferente, e potencialize a sua capacidade como profissional. Acesse o site da Pitágoras e veja todas as informações sobre o curso de Arquitetura e Urbanismo. Inscreva-se

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Prouni, FIES, crédito estudantil ou bolsa privada: qual a melhor opção para mim?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.